MAC é eliminado com goleada na Taça Brasil pelo Avaí-SC

Maquinho perdeu pelo placar de 4 a 0 na semifinal, ontem, em Jales

Com o placar de 4 a 0 para o Avaí-SC na semifinal, ontem à tarde, em Jales, o Marília Atlético Clube (MAC) está eliminado da Taça Brasil Sub-19. A competição serviu de preparação para a Copa São Paulo Junior, que acontece de 3 a 25 de janeiro. O Alviceleste está no Grupo 8, em Marília, ao lado de Fluminense-RJ, Mogi Mirim e Tubarão-SC.

O Avaí também vai disputar a Copinha e está no grupo em Jundiaí com: Paulista. Red Bull e São José-RS. “Eles estão com um trabalho um pouco mais adiantado que o nosso para a Copa São Paulo, mas fizemos um jogo equilibrado no primeiro tempo. Levamos dois gols de bola parada, porém criamos chances reais. No segundo tempo com a expulsão do Matheus Alexandre (volante), as coisas dificultaram e tomamos mais dois gols”, explicou o técnico Daniel Sabino.

Apesar da eliminação, o treinador considerou positivo a participação na Taça Brasil e nos Jogos Abertos (não passou da 1ª fase). “As duas competições serviram para darmos rodagem ao grupo, pois uma grande parte foi pouco aproveitada no Paulistão Sub-20 (eliminado nas oitavas). Além disso, pudemos utilizar aqueles que não estavam inscritos no estadual”, comentou.

Daniel Sabino perdeu seis atletas que foram titulares no Paulista, porque ‘estouraram’ idade para a Copinha: os laterais Guilherme Rocha e Alexandre; o zagueiro Júlio, o meia Luan Batoré, e os atacantes Alisson e Matheus Henrique. “Realmente está difícil de encontrarmos a formação ideal, mas temos mais três semanas para trabalharmos”, destacou.

 

O técnico ainda quer mais três amistosos antes da estreia no dia 3 de janeiro (quarta-feira), às 17h30, contra o Tubarão. “Além da partida do dia 23 (sábado), diante do profissional, queremos mais dois jogos. Talvez um já na próxima semana”, mencionou. O time maqueano inicial que enfrentou o Avaí foi com: Felipe; Gustavo, Zé Roberto, Gabriel e Bahia; Jeferson, Matheus Alexandre, Alessandro e Vitor Diego; Denner e Diego Borges.