CINE CULTURA

Hoje, às 19h15, O Cine Cultura exibe na sessão Terça Nostálgica o filme “Brutalidade” (Brute Force - EUA, 1947), dirigido por Jules Dassin, a partir de um roteiro escrito por Richard Brooks, baseado numa história de Robert Patterson, é muito bem construída, com flashbacks mostrando a conexão de três prisioneiros com suas mulheres.

 

Hoje, às 19h15, O Cine Cultura exibe na sessão Terça Nostálgica o filme “Brutalidade” (Brute Force - EUA, 1947), dirigido por Jules Dassin, a partir de um roteiro escrito por Richard Brooks, baseado numa história de Robert Patterson, é muito bem construída, com flashbacks mostrando a conexão de três prisioneiros com suas mulheres.

Merecem destaque a fotografia em preto e branco de William H. Daniels, a música de Miklós Rózsa e as boas atuações de Burt Lancaster no papel do prisioneiro Joe Collins, e de Charles Bickford, como Gallagher, e Roman Bohnen, como Warden A.J. Barnes.

O filme mostra a realidade violenta e brutal (que demandou longas negociações com a censura) de um presídio onde um grupo de presos, liderados por Lancaster, planeja uma fuga. A direção segura de Jules Dassin, que pouco depois seria banido de Hollywood pela cruzada anti-comunista do Macarthismo, dá o tom exato de desesperança e valoriza as muitas idéias interessantes: o preso negro que cantarola rimas como um coro grego, os delatores, as celas apinhadas e claustrofóbicas, o calendário velho com o rosto de uma moça (que, sintomaticamente, parece estar morta) que serve para lembrar aos membros do grupo o porquê de estarem ali, sempre mulheres (dando abertura para flashbacks que nos mostram que não são totalmente maus ou criminosos).

 

Duração: 98 minutos. Não recomendado para menores de 12 anos. Com entrada franca, as sessões do Cine Cultura acontecem na Sala Municipal de Projeção “Emílio Peduti Filho”, localizada na av. Sampaio Vidal, 245 - piso superior da Biblioteca Municipal (entrada pela av. Rio Branco - Museu de Paleontologia). Mais informações: tel. 3402-6600, ramal 6616.