Projeto da Emef Geralda Vilardi e Amor de Mãe recebe prêmio

O projeto “Transformando Sonhos” desenvolvido pela Emef Geralda César Vilardi e a Associação Amor de Mãe de Marília, foi premiado como finalista regional da 12ª edição do Prêmio Itaú- Unicef 2017. O prêmio é uma iniciativa do Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF). O Prêmio Itaú-Unicef busca identificar, reconhecer e estimular parcerias entre organizações da sociedade civil e escolas pú

O projeto “Transformando Sonhos” desenvolvido pela Emef Geralda César Vilardi e a Associação Amor de Mãe de Marília, foi premiado como finalista regional da 12ª edição do Prêmio Itaú- Unicef 2017.
O prêmio é uma iniciativa do Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF). O Prêmio Itaú-Unicef busca identificar, reconhecer e estimular parcerias entre organizações da sociedade civil e escolas públicas no desenvolvimento de projetos socioeducativos que contribuam com as políticas públicas de Educação Integral para crianças.
Segundo a diretora da Emef, Maria Lúcia Gonçalves Buim, a Emef Geralda Cesar Vilardi e a entidade Amor de Mãe mantêm a parceria há mais de 10 anos e o objetivo é garantir a qualidade de vida para as crianças, trabalhando com o tripé ‘Família, Entidade e Escola’.
Este ano o tema do prêmio é “Educação Integral: Parcerias em Construção”. O prêmio foi criado em 1995 e desde então a iniciativa recebeu mais de 17 mil inscrições, premiando ações em 1.752 cidades.
A diretora Maria Lúcia Buim disse que o trabalho desenvolvido com a entidade Amor de Mãe consiste em encaminhar alunos da escola para participar de atividades na entidade no contra-turno escolar. Na entidade os alunos com idade entre 6 e 12 anos participam de diferentes atividades pedagógicas, de lazer e esportivas e recebem alimentação.
 “O melhor resultado é a qualidade de vida dessas crianças. A Associação Amor de Mãe iniciou aqui na escola nos finais de semana e se tornou uma entidade que oferece um ótimo trabalho para as crianças, com o envolvimento que a Thami tem com as crianças e também com os pais”, disse a diretora.
Nesta edição o Prêmio Itaú-Unicef recebeu 1.651 inscrições de todos os estados brasileiros. Os projetos inscritos passaram por análise preliminar e foram divididos em oito regionais: Belém (PA), Belo Horizonte (MG), Curitiba (PR), Goiânia (GO), Recife (PE), Ribeirão Preto (SP), Rio de Janeiro (RJ) e São Paulo (SP).
A diretora da Emef Maria Lucia Gonçalves Buim e a presidente da Associação Amor de Mãe, Tammy Regina Gripa seguem hoje para São Paulo onde participam das atividades da premiação e conhecem os projetos desenvolvidos em outras regiões.