Chevrolet Onix é o carro parceiro do lançamento do Waze para Android Auto

Parceria entre montadora e aplicativo reforça a importância do mercado brasileiro

O Chevrolet Onix foi escolhido o carro parceiro do lançamento do Waze para o sistema Android Auto no Brasil. A estreia permite que motorista do Novo Onix navegue com o app diretamente na tela do multimídia MyLink do veículo.

Para os motoristas, além de poder acompanhar o caminho em uma tela maior que o do smartphone, outra vantagem é a possibilidade de interação com o aplicativo por meio da tela touchscreen do MyLink ou pelo sistema de comando de voz do carro, minimizando distrações e tornando o uso mais seguro.

“O consumidor busca um carro com o qual ele se identifique e que ofereça soluções capazes de tornar o trajeto dele mais prazeroso, simples, inteligente. É isso o que já oferecemos com o MyLink e o OnStar e que agora ampliamos com essa parceria com o Waze. A Chevrolet é líder no Brasil e na América do Sul por colocar o consumidor no centro de tudo o que faz, oferecendo os mais inovadores e surpreendentes carros para o mercado”, diz Carlos Zarlenga, presidente GM Mercosul.

O Waze possui uma rede global com mais de 75 milhões usuários ativos mensais - além de 420 mil editores de mapa voluntários e diversos parceiros orientados por dados. O Brasil representa uma das maiores redes de motoristas e é um dos mercados mais importantes para o Waze. Somente na Grande São Paulo, o app tem mais de 3,5 milhões de usuários ativos que dirigem mais de 500 milhões de quilômetros por mês.

"A receptividade do motorista brasileiro para a inovação é um dos motores do nosso sucesso", disse Andre Loureiro, diretor-geral de publicidade do Waze no Brasil. "O Waze tem um relacionamento recíproco e colaborativo com os brasileiros, e é um prazer demonstrar alguns dos recursos e parcerias mais interessantes no país. Agradecemos ao Chevrolet Onix por nos ajudar a trazer este lançamento emocionante à vida".

Usando a estrutura do Android Auto, o Waze está integrado diretamente na tela do console central do carro. A entrada do app no sistema do Android Auto traz o poder da rede de usuários do Waze diretamente para o painel do carro, com rotas inteligentes, reduzindo as distrações e ainda ajudando o motorista a fugir do trânsito. Além disso, também é possível utilizar as configurações de voz do Google, que são semelhantes às utilizadas no Waze e permitirão que os motoristas interajam com o app via controle de voz.

Pensado para os dias de hoje

O Onix foi o carro escolhido para o lançamento do Waze para o sistema Android Auto por ser considerado pela montadora o carro mais conectado fabricado no Brasil. Lançado em 2012, o Chevrolet democratizou em seu segmento o sistema multimídia e mais recentemente a tecnologia exclusiva de telemática avançada OnStar, que consiste num canal direto entre o automóvel e uma central de atendimento 24h que oferece serviços de comodidade, segurança, emergência e monitoramento.

Os serviços vão desde envio automático de resgate em acidentes até auxílio na recuperação do veículo em caso de roubo. O contato com a central de atendimento pode ser feito por meio de um botão no painel. O OnStar possibilita ainda interação com o veículo por meio de aplicativo para smartphone. Com isso é possível, por exemplo, fazer uma checagem dos principais sistemas mecânicos de forma remota.

“A Chevrolet colocou o smartphone na tela do carro através do MyLink e colocou o carro na tela do celular através do OnStar. Esse é um dos diferenciais competitivos do Onix. É um dos motivos que o transformaram no automóvel preferido do brasileiro e no mais vendido da América Latina”, explica Hermann Mahnke, diretor de Marketing da Chevrolet.

Conectividade 

ganha relevância

Pesquisas apontam que tecnologias como a conectividade ganham cada vez mais importância na lista de prioridades dos consumidores de carros de entrada. Já são a segunda razão de compra, superando os atributos mecânicos - design continua sendo o quesito mais relevante.

“No Onix, estes atributos são percebidos no sistema de conectividade total, na direção com assistência elétrica de série, na opção de transmissão automática de seis marchas, no baixo consumo de combustível e na sensação de amplo espaço interno, principalmente”, completa Mahnke.