Mudanças visam a criação de um complexo cultural no centro da cidade

Objetivando otimizar a frequência dos espaços culturais da cidade, a nova administração instalará no prédio da Sampaio Vidal, a Secretaria da Cultura, o Museu Pedagógico e também a Galeria Municipal de Artes no mesmo local.

Objetivando otimizar a frequência dos espaços culturais da cidade, a nova administração instalará no prédio da Sampaio Vidal, a Secretaria da Cultura, o Museu Pedagógico e também a Galeria Municipal de Artes no mesmo local.

Atualmente, esses equipamentos públicos estão em locais separados na cidade e de difícil acesso à população, que às vezes, desconhecem por falta de acessibilidade e visibilidade.

Para o prédio da Av. Sampaio Vidal, o objetivo é tornar-se um grande centro cultural que já abriga o Teatro Municipal e o Museu de Paleontologia, atraindo assim o visitante para uma overdose cultural num mesmo local e oportunizando melhores condições para esse acesso, segundo André Gomes, secretário municipal da Cultura.

Atualmente, o prédio passa por pequenas reformas e pintura para receber as novas instalações e o prazo para que as mudanças gerais aconteçam deve ser final de junho e início de julho. A economia de aluguel é de R$ 2 mil por mês (atualmente a Prefeitura gasta R$ 11 mil com o aluguel dos prédios) e o dinheiro economizado nessa mudança deve ser investido na compra de livros e acervo para os espaços de cultura.

 

O secretário da Cultura vê com naturalidade as manifestações das pessoas, visto que vivemos numa sociedade democrática e reconhecemos que mudanças tem resistências. Não pretendemos ter a concordância de todos, mas temos convicção que a sociedade terá muitos ganhos na medida em que a secretaria apresentar resultados no final desse processo e ao longo dos quatro anos dessa gestão.