CINE CULTURA

Em “Ponte para Terabítia” (Bridge to Terabithia - EUA, 2007), filme que o Clube de Cinema de Marília (CCM) exibe neste sábado, às 20h15.

Em “Ponte para Terabítia” (Bridge to Terabithia - EUA, 2007), filme que o Clube de Cinema de Marília (CCM) exibe neste sábado, às 20h15, Jess Aarons (Josh Hutcherson) sente-se um estranho na escola e até mesmo em sua família. Durante todo o verão ele treinou para ser o garoto mais rápido da escola, mas seus planos são ameaçados por Leslie Burke (AnnaSophia Robb), que vence uma corrida que deveria ser apenas para garotos. Logo Jess e Leslie tornam-se grandes amigos e, juntos, criam o reino secreto de Terabítia, um lugar mágico onde apenas é possível chegar se pendurando em uma velha corda, que fica sobre um riacho perto de suas casas. Lá eles lutam contra Dark Master (Matt Gibbons) e suas criaturas, além de conspirar contra as brincadeiras de mau gosto que são feitas na escola.

O filme em cartaz neste sábado no Clube de Cinema de Marília é baseado no livro "Ponte para Terabítia", publicado em 1977 por Katherine Paterson, que o escreveu para forma de consolar seu filho mais novo, David, devido à morte trágica de uma grande amiga.

O nome Terabítia é inspirado em Terabinthia, uma ilha existente no mundo fictício de Nárnia e que é mencionada nos livros "O Príncipe Cáspian" e "A Viagem do Pelegrino da Alvorada", de C.S. Lewis. Direção: Gabor Csupo. Duração: 96 minutos. Livre para todos os públicos.

DOMINGO

Amanhã, no mesmo horário, o CCM exibe Boi Neon (Brasil / Uruguai / Países Baixos, 2015). Nos bastidores das Vaquejadas, “esporte” no qual dois vaqueiros têm de emparelhar o boi até uma faixa de cal riscada no chão e derrubar o animal, Iremar (Juliano Cazarré) e um grupo de vaqueiros preparam os bois antes de solta-los na arena. Levando a vida na estrada, o caminhão que transporta os bois para o evento é também a casa improvisada de Iremar e seus colegas de trabalho: Zé (Carlos Pessoa), Negão (Josinaldo Alves), Galega (Maeve Jinkings) e sua filha Cacá (Alyne Santana) e Geise (Samya de Lavor). O cotidiano é intenso e visceral, mas algo inspira novas ambições em Iremar: a recente industrialização e o polo de confecção de roupas na região do semiárido nordestino. Deitado em sua rede na traseira do caminhão, sua cabeça divaga em sonhos de lantejoulas, tecidos requintados e croquis. Direção: Gabriel Mascaro. Duração: 101 minutos.

 

As sessões do Clube de Cinema de Marília são realizadas aos sábados e domingos, às 20h15, na Sala de Projeção “Emílio Peduti Filho”, localizada na av. Sampaio Vidal, 245 - piso superior da Biblioteca Municipal. Sócios do CCM pagam mensalidade R$ 20,00 e têm entrada gratuita em todas as sessões. Não sócios pagam R$ 5,00 por sessão.