Vereadores ratificam aumento de gastos de Pasta Municipal

Os vereadores ratificaram na sessão ordinária da Câmara Municipal de ontem (17) o aumento de gastos da Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social. Após a publicação da lei, a Pasta terá elevado de R$ 200,00 para R$ 500,00 o limite para cada despesa e de R$ 3.000,00 para R$ 5.000,00 os gastos mensais. Também foi aprovado, em discussão única, parecer da Comissão de Justiça eRedação

Os vereadores ratificaram na sessão ordinária da Câmara Municipal de ontem (17) o aumento de gastos da Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social. Após a publicação da lei, a Pasta terá elevado de R$ 200,00 para R$ 500,00 o limite para cada despesa e de R$ 3.000,00 para R$ 5.000,00 os gastos mensais.

Também foi aprovado, em discussão única, parecer da Comissão de Justiça eRedação, exarado na Correspondência nº 803/2017, daPrefeitura, solicitando o referendum da edilidadepara nomeação do Conselho Deliberativo do Daem (Departamento deÁgua e Esgoto de Marília), que passa a ter o chefe de Gabinete Márcio Spósito como presidente.

O Conselho Deliberativo do Daem conta com representantes da Acim (Associação Comercial e Industrial de Marília), Ciesp (Centro das Indústrias do Estado de São Paulo), Associação dos Engenheiros, Arquitetos e Agrônomos da Alta Paulista, Administração Municipal e associações de bairros.

A adequação de feriados religiosos no Município à legislação federal também passou com o aval da edilidade.

A inclusão doEncontro de Sensibilidade e Conhecimento no calendário de datascomemorativas e eventos do município foi aprovada pelos edis, a partir de projeto apresentado pelo vereador Cícero do Ceasa (PV). Atividades com foco para a pessoa com deficiência já são desenvolvidas no mês de abril na Praça Maria Izabel. A matéria agora vai às comissões permanentes da Casa de Leis para posteriormente retornar à votação final.

Sem pequeno expediente

Para agilizar a votação de requerimentos na pauta da Câmara, o pequeno expediente - destinado à exposição de temas livres por 10 minutos aos vereadores inscritos - não aconteceu na sessão de ontem, das 19h às 20h.

Mais assessores

Os edis aproveitaram a atividade camarária desta segunda-feira para se mostrarem favoráveis, em debate livre, ao acréscimo de pelo menos mais um assessor por gabinete. Na Legislatura passada, por orientação da Justiça, foram reduzidos de três servidores para apenas um em cada escritório parlamentar do prédio legislativo.