Bispo celebra cerimônia de Lava-Pés no asilo

O bispo de Marília Luiz Antônio Cipolini, participou ontem do terço na capela do asilo São Vicente de Paulo e realizou a cerimônia do Lava-Pés com quatro idosos que vivem no local. A cerimônia do Lava-Pés remonta a última ceia de Jesus com os apóstolos onde Jesus instituiu a eucaristia e lavou os pés dos discípulos. “Realizamos para lembrar o ato de Jesus, que com este gesto nos ensina a humildad

O bispo de Marília Luiz Antônio Cipolini, participou ontem do terço na capela do asilo São Vicente de Paulo e realizou a cerimônia do Lava-Pés com quatro idosos que vivem no local. A cerimônia do Lava-Pés remonta a última ceia de Jesus com os apóstolos onde Jesus instituiu a eucaristia e lavou os pés dos discípulos. 

“Realizamos para lembrar o ato de Jesus, que com este gesto nos ensina a humildade; na nossa vida, na família, no trabalho, chega a hora de perdoar e ser humilde”, disse o bispo. Dom Luiz Cipolini explicou que o Lava-Pés é uma atitude de serviço de Jesus, quando ele disse que veio para servir e não para ser servido. E ele demonstra com a morte na cruz para nos salvar. Esse gesto começa na quinta-feira santa e vai se aprofundando até a ressurreição no domingo de Páscoa”, disse. 

Para a Igreja Católica, a semana santa é um momento de vigília. Os fiéis procuram as igrejas na quinta-feira santa e permanecem em vigília até às 15h de hoje quando é realizada uma ação solene. Hoje não acontecem missas nas paróquias. É uma celebração diferente marcada pela leitura do dia e adoração da Santa Cruz. É um dia de oração, jejum e abstinência em memória a Jesus. 

No sábado após às 18h os fiéis voltam às paróquias para a grande Vigília Pascal, quando os fiéis esperam a ressurreição de Jesus. É feita a bênção do fogo novo para acender o Círio Pascal, que simboliza a luz que jamais se apaga, lembrando o próprio Jesus. No todas as paróquias realizam a missa de Páscoa.