O presidente ‘prefeito’! Daniel Alonso assume mandato de quatro anos

Novo presidente: "Uma noite muito importante e estou muito feliz com essa oportunidade"

Por Jorge Luiz/foto: Edio Jr.

Como era esperado na eleição de ontem (dia 27) do Marília Atlético Clube (MAC), o prefeito Daniel Alonso foi aclamado presidente pelos próximos quatro anos (mandato 2021-2024), através de decisão unânime de 19 dos 21 membros do Conselho Deliberativo presentes na assembleia, realizada na secretaria do estádio Bento de Abreu. A gestão será composta pelo vereador Eduardo Nascimento (1º vice) e pelo advogado Alysson Souza (2º vice).

“Uma noite muito importante e estou muito feliz com essa oportunidade. Vamos dar sequência nos trabalhos que já estamos fazendo desde 2019, para colocar o clube no lugar em que merece e resgatar os bons tempos de glórias. Nesse período que estamos à frente, temos conseguido colocar a casa em ordem, principalmente nas questões tributárias e trabalhistas. Hoje recuperamos a credibilidade do MAC junto à Federação Paulista de Futebol (FPF) e ao mercado do futebol”, declarou Daniel Alonso.

O presidente maqueano explicou que por conta das responsabilidades na Prefeitura Municipal, o clube será gerido por seus dois vices: Alysson Souza seguirá no comando do departamento profissional e Eduardo Nascimento ficará com o departamento amador (categorias de base). Nos próximos dias, Daniel Alonso deverá anunciar mais pessoas para compor à diretoria. Um nome certo é o do delegado aposentado Cláudio Pinha Goes, que faz parte do Conselho Deliberativo. Vagner Silva segue como diretor executivo do clube.

 

Conselho Deliberativo – Na eleição do quadro do Conselho Deliberativo pelos próximos quatro anos não houve mudança. Os 21 membros efetivados na última reunião (dia 21) foram mantidos, inclusive o bancário aposentado Jair Cândido da Silva, o “Jairzinho”, como presidente da entidade. O cargo de vice ficou com o presidente da Emdurb, Valdeci Fogaça, que não compareceu à assembleia.

Também ficou decidido que a presidência do Conselho Fiscal, será de Antônio Carlos Sojinha e que os outros dois membros desta entidade serão: o advogado Vinícius Rezende e o engenheiro civil aposentado, Paulo Roberto Amado. Na eleição de ontem, os dois conselheiros que não compareceram foram: Alexandre Sala (advogado) e Valdeci Fogaça.