Com novos conselheiros, chapa na eleição terá prefeito como presidente

Eduardo Nascimento, Daniel Alonso e Alysson Souza serão efetivados na eleição do dia 27

Por Jorge Luiz/foto: Edio Jr.

Com a regularização de seis novos membros no Conselho Deliberativo do Marília Atlético Clube (MAC), a eleição para presidente do Alviceleste já tem data marcada. Ela irá acontecer na próxima sexta-feira (dia 27), às 18h30, na secretaria do estádio Bento de Abreu.

No encontro de ontem (21) foi definida até a chapa que irá concorrer ao pleito (provavelmente será a única) e terá o prefeito Daniel Alonso como presidente, o vereador Eduardo Nascimento como vice e o advogado Alysson Souza como 2º vice.

Essa é a mesma chapa que comanda o Alviceleste desde janeiro de 2019, porém, logo depois da posse, no dia 12 de abril do ano passado, a ata não foi registrada em cartório e mesmo na gestão do departamento de futebol, o presidente de direito é até hoje o advogado Antônio Carlos Sojinha, com o farmacêutico Antônio Abdala, o “Ica”, como vice.

Ontem após a reunião, Alysson Souza explicou que não há incompatibilidade do prefeito Daniel Alonso também ser o presidente do MAC.

“Não há incompatibilidade porque o Marília é uma associação privada, que não recebe nenhum centavo do dinheiro público. O que significa dizer que não há conflitos de interesse. Se o clube estivesse no programa ‘Lei de Incentivo ao Esporte’ (verba federal para as categorias de base), aí sim ele não poderia assumir”, explicou.

 

Conselho completo – Daniel Alonso, Eduardo Nascimento e Alysson Souza foram três dos seis sócios efetivados oficialmente ontem, no quadro do Conselho Deliberativo do MAC. Além deles, Valdeci Fogaça (presidente da Emdurb), Alexandre Sala (advogado) e Márcio Spósito (chefe de gabinete) formam agora os 21 membros. Dos 14 conselheiros aptos a aprovar os nomes dos novos membros, o único que não participou foi o empresário Eduardo Tassinari.

O 13 conselheiros presentes foram: o advogado Antônio Carlos Sojinha (presidente do clube), o farmacêutico Antônio Abdala, o “Ica” (vice-presidente), o representante comercial Archibaldo Eustáquio, o “Bado” (representante comercial), o delegado aposentado Cláudio Pinha Goes, anestesista Edson Rodrigues, o comerciante Gervásio Ferreira, o bancário aposentado Jair Cândido da Silva, o supervisor de futebol José Luís Todeschini, o engenheiro aposentado Paulo Roberto Amado, o empresário Roberto Acácio Oliveiros, o empresário Valter Cavina, o advogado Vinícius Rezende e o dentista Wilson Jinno.

 

Outros cargos – Além da confirmação antecipada da chapa à presidência, na reunião de ontem também ficou alinhado que o bancário Jair Cândido da Silva seguirá como presidente do Conselho Deliberativo por mais quatro anos (2021-2024). Ele estava no posto desde a renúncia do advogado Cristiano Gonçalves, o “Crisão”, em julho de 2019.

Jairzinho deverá ter como vice-presidente Valdeci Fogaça, presidente da Emdurb. Atual mandatário do clube, Sojinha ficará com o cargo de presidente do Conselho Fiscal. Oficialmente todos esses nomes serão efetivados na eleição presidencial, que irá ocorrer na próxima sexta-feira. O edital de convocação dos conselheiros para votar, foi publicado na edição de hoje (22) do Jornal da Manhã.