Mulher é presa após furtar bolsa em igreja no Centro

Acusada confessou que usou pertences furtados para abater dívida de drogas em "biqueira" na favela do Argolo Ferrão

Por Matheus Brito /Foto: Divulgação

A desempregada Bruna Dandara Santana, de 27 anos, foi presa por policiais militares na quinta-feira (19) acusada de furtar uma bolsa com dinheiro, celular, cartões bancários e documentos pessoais em uma igreja evangélica na avenida Brasil, na região central de Marília.

De acordo com informações da Polícia Militar (PM), a acusada pediu para usar o banheiro na igreja e em seguida deixou o local com uma bolsa com R$ 110 em dinheiro, telefone, dois cartões bancários e vários documentos pessoais.

Testemunhas afirmaram que a acusada é sempre vista num imóvel abandonado usado por usuários de drogas na rua Pernambuco. A desempregada foi detida no local e confessou a autoria do delito.

Bruna disse aos policiais militares que após usar o banheiro foi até a cozinha da igreja e furtou a bolsa que estava sob a geladeira. Após fugir, ele contratou um mototáxi para leva-la até a favela do Argolo Ferrão, na zona Oeste, e usou o dinheiro e pertences para abater dívida de drogas em uma “biqueira”.

A desempregada foi indiciada em flagrante pelo crime de furto e recolhida para a cadeia feminina de Pirajuí. A pena pode chegar até quatro anos de prisão em regime fechado.