“Primaverou” em Brotas

O colorido da flora, maior patrimônio da capital nacional do turismo de aventura, chegou em Brotas (SP). Um convite ao turista que deseja fazer uma imersão nas belezas naturais sem ter de fazer longos deslocamentos, a poucas horas de carro de Marília, Bauru, Ribeirão Preto e Campinas, ideal para um final de semana ou uma folga prolongada.

O colorido da flora, maior patrimônio da capital nacional do turismo de aventura, chegou em Brotas (SP). Um convite ao turista que deseja fazer uma imersão nas belezas naturais sem ter de fazer longos deslocamentos, a poucas horas de carro de Marília, Bauru, Ribeirão Preto e Campinas, ideal para um final de semana ou uma folga prolongada. 

Após a florada dos ipês e da neve-da-montanha, uma das atrações em Brotas são as cerejeiras. Cultivadas na Fazenda Sakurá, elas têm um ciclo para cada tipo de espécie. Em setembro, por exemplo, a exuberância dos exemplares da Cerejeira Okinawa atrai visitantes, inclusive casais para sessões de foto pré-wedding. 

“Vem gente para passar o dia, contemplar a natureza e tomar banho de rio. Todos adoram fotografar as cerejeiras e a procura por noivos para compor o cenário sempre chama bastante a atenção”, afirma Raulino dos Santos, proprietário da fazenda.  

O ecoturismo que é o principal atrativo do destino oferece neste período a melhor experiência no avistamento da fauna e da flora. Nos ecoparques, é possível fazer trilhas cercadas de muito verde com árvores e plantas, banhar-se no Jacaré-Pepira, um dos rios mais preservados do Estado de São Paulo, e aproveitar para fazer atividades radicais como o famoso rafting. Sem contar as dezenas de cachoeiras que são irresistíveis agora, com as temperaturas mais altas já nos últimos dias de inverno.  

“Este é um período favorável para o descanso em Brotas. A temperatura é agradável, as paisagens proporcionam vistas inesquecíveis. Sem contar a experiência do turista que será muito bem recebido aonde for”, afirma Fabio Pontes, secretário de Turismo de Brotas.  

Outro ponto de visitação imperdível é o Parque dos Saltos. Além de todo o verde ao redor das corredeiras, o local, aberto à visitação do público, tem a histórica ponte pênsil, reaberta recentemente após uma ampla reforma, é ponto obrigatório de parada. Para a chegada da primavera, no dia 22, haverá uma intervenção no pórtico da cidade em homenagem ao início da estação.