Internações voltam a subir em Marília

São 82 pacientes em leitos de Covid nos hospitais locais; 52 são moradores da cidade, incluindo crianças

 

Foto: Edio Junior

As internações voltaram a subir em Marília. Há 82 pessoas internadas por Covid nos hospitais locais, com a doença ou com suspeita. Entre elas, 52 são moradores (63%) da cidade, incluindo um recém-nascido e duas crianças.

O Hospital das Clínicas tem 30 leitos ocupados pela pandemia. Desses, 18 são de UTI (60%). A maioria dos pacientes é da região porque a instituição é referência regional em Saúde.

Porém, dos seis moradores de Marília internados no HC, dois são crianças, estando na Enfermaria Pediátrica para Covid. E um é bebê, estando em leito reservado à pandemia da UTI neonatal. Há ainda um adulto em leito de Terapia Intensiva e mais dois na Enfermaria.  

No Hospital Beneficente Unimar há outros 31 pacientes internados pela pandemia, a maioria de Marília porque o HBU é referência municipal para Covid-19.

Dos 31 pacientes com Coronavírus ou suspeita de Covid no HBU, 19 estão na UTI (61%), sendo 18 na UTI SUS e uma pessoa na UTI particular. Outros oito pacientes estão na Enfermaria particular e quatro na Enfermaria SUS.

A Santa Casa ainda tem outros 21 leitos ocupados pela pandemia, entre Marília e região, pacientes conveniados ou SUS. Desses, nove estão na UTI e 12 na Enfermaria. Moradores locais são maioria entre todos internados nos hospitais da cidade pela pandemia: 52 dos 82 pacientes.

Internações locais atingem seu maior número até agora

O número de pessoas de Marília internadas (52) é o maior até o momento, sendo atingido pela primeira vez no último dia 4 de agosto. Nos dias 6,7,8,9 e 10 o total de internados da cidade por confirmação ou suspeita de Covid baixou para menos de 50 e nessa terça-feira (11) voltou a subir para 52.

Até maio as internações de moradores de Marília por conta da pandemia não passavam de dez. Em junho, nos primeiros dez dias do mês ficaram abaixo de 20. Depois seguiram entre 20 e 30 até o fim do mês.

Julho teve aumento, chegando a 40 internações de moradores locais no dia 10. Já nesse mês de agosto, o Município contabiliza mais de 50 internados por Coronavírus pela terceira vez (dias 4,5 e 11 de agosto).