Jogadores do MAC começam a chegar à cidade nos próximos dias

Diretoria diz que pode haver compensação financeira para liberar zagueiro Moisés

Por Jorge Luiz/foto: Divulgação

 

A partir de amanhã (dia 3) é esperada a chegada dos atletas do Marília Atlético Clube (MAC), para a continuidade do Campeonato Paulista da Série A-3, que retornará somente no dia 20 de setembro.

Segundo o acordo estipulado na reunião entre as 16 agremiações e a Federação Paulista de Futebol (FPF) na última terça-feira (28), os testes para a Covid-19 começam no dia 10 e os treinamentos terão início apenas sete dias depois.

“Não temos os dias certos para a chegada dos atletas, mas acontecerá nos próximos dias. Quarta-feira já deve chegar alguns. Temos atletas que vão jogador os estaduais neste fim de semana e já podem ser eliminados. Pode ser que a gente antecipe a apresentação para sexta-feira (dia 7) no aspecto de conversa com eles e programar os exames, porque o protocolo para a realização ainda não foi passado pela Federação”, destacou o vice-presidente maqueano, Alysson Alex Souza e Silva.

O dirigente confirmou que nesta semana os clube irá arcar com os exames de Covid-19 dos funcionários.

Até o momento, o MAC tem 22 jogadores com pré-contrato assinado, sendo dez remanescentes: os goleiros Thiago Moraes, Igor Castro e Felipe Mosquete; o lateral-esquerdo Edu Pina, os volantes Fabrício e Levi; o meia-atacante Kelvy e os atacantes Wellington, Lucas Formiga e Gustavo Nescau.

Dos 12 reforços, oito já tiveram suas identidades reveladas: laterais-direito Everaldo Potiguar (PSTC-PR) e Bruno Oliveira (Águia de Marabá-PA), zagueiro Moisés Lucas (Novo Hamburgo-RS) e Victor Souza (Cabofriense-RJ), volantes Léo Couto (PSCT-PR) e Junior Santos (Macaé-RJ); meia Mossoró (Novo Hamburgo-RS) e centroavante Tito (América-RN).

 

Reforços com propostas – O vice-presidente do Marília revelou que três atletas do elenco possuem propostas de outros clubes, mas deixou bem claro que a liberação só irá acontecer se houver uma compensação financeira.

“Dos três que têm propostas, dois os clubes interessados não querem pagar nada e o Marília não vai liberar. O terceiro tem uma oferta do exterior e a gente está aguardando o retorno, pois disseram que haverá um retorno financeiro, mas até o momento oficialmente não chegou nada a nós”.

Este último citado é o zagueiro Moisés, de 27 anos, que hoje às 19h, entra em campo pela semifinal do Gauchão com o Novo Hamburgo, para enfrentar o Grêmio em jogo único. Ele tem um proposta do futebol do Kuwait de nove meses de contrato. Os outros dois com ofertas de clubes brasileiros não tiveram seus nomes revelados pela diretoria do Marília.

O MAC já perdeu o centroavante Alison Mira para o Manaus-AM e o meia Luciano Naninho para o Volta Redonda-RJ. Ambos tinham pré-contrato assinado, mas foram liberados, sendo que no caso do segundo, o Alviceleste recebeu uma compensação financeira.

 

Apostas no elenco – O técnico Guilherme Alves definiu que entre remanescentes e reforços, o elenco maqueano para a sequência da Série A-3 terá 22 ou 23 nomes. As últimas vagas (máximo de 26), serão completadas com atletas sub-20, também pensando na disputa da Copa Paulista, que acontecerá de forma simultânea com o estadual. Serão quatro jogadores incorporados ao grupo, sendo que um deles já está definido.

É o zagueiro Raphael, de 19 anos, que foi titular do Linense na Copa São Paulo Junior deste ano. Os outros três nomes ainda não foram definidos, porém serão atletas da cidade.

Restam quatro rodadas para o fim da 1ª fase da Série A-3. Os oito primeiros colocados se classificam para as quartas de final e os dois últimos serão rebaixados. O Marília está na penúltima posição (15º lugar) da Série A-3, com 11 pontos e dentro da zona do rebaixamento. Entretanto, o time está somente a três pontos do Desportivo Brasil (8º colocado), última agremiação dentro do G-8.