"Watchmen" recebe 26 indicações e lidera o Emmy 2020

O Emmy, prêmio mais importante da televisão dos EUA, anunciou os indicados da edição de 2020.

O Emmy, prêmio mais importante da televisão dos EUA, anunciou os indicados da edição de 2020.

“Watchmen”, sucesso da HBO baseado na HQ, é a produção mais indicada do ano, com 26 indicações, em categorias de minissérie.

“The Marvelous Mrs. Maisel” foi a mais lembrada entre as séries de comédia, com 20 indicações. "Schitt's Creek" teve 15. Entre as séries dramáticas, “Ozark” e “Succession" empataram com 18 indicações cada. A Netflix liderou as indicações, com 160. A HBO teve 107 indicações.

Nas redes sociais, além de "Watchmen", fãs comemoraram as indicações de Zendaya ("Euphoria"), "Stranger Things" e Regina King ("Watchmen"). Fãs criticaram a ausência de Viola Davis e Elizabeth Moss.

Sem os ganhadores do ano passado, "Game of Thrones" e "Fleabag", no páreo, e nenhum programa novo que traga surpresas, produções como "Succession", sobre uma poderosa família dona de veículos de comunicação que luta pelo controle da empresa, e o thriller policial "Ozark" partem como favoritos na categoria drama.

Entre as séries cômicas, "The Marvelous Mrs. Maisel" (A Maravilhosa Sra. Maisel), produção da Amazon sobre uma dona-de-casa dos anos 1950 transformada em comediante de stand-up, é considerada favorita, junto com o sucesso canadense "Schitt's Creek".

Nas categorias de melhor ator dramático, é provável que Brian Cox encabece a lista por seu papel em "Succession", junto com Jason Bateman, por "Ozark", e Bob Odenkirk, por "Better Call Saul".

A ganhadora do Oscar Olivia Colman deverá encabeçar a disputa pelo prêmio de melhor atriz, com Laura Linney ("Ozark"), Jennifer Aniston ("The Morning Show") e Elizabeth Moss ("The Handmaid's Tale").

O Emmy será celebrado em 20 de setembro. O apresentador Jimmy Kimmel será o anfitrião da cerimônia. Embora seus organizadores não tenham dado detalhes sobre a cerimônia, tudo indica que será virtual, enquanto o coronavírus se espalha com força nos Estados Unidos.