Ocupação de UTI Covid em Marília está em 55%

Hospitais têm leitos equipados para a ampliação da Terapia Intensiva, aguardando credenciamento SUS

 

Foto: Divulgação

A ocupação de UTI Covid em Marília está em 55%. Mais da metade dos leitos de Terapia Intensiva reservados à pandemia estão ocupados. Os hospitais da cidade têm 53 pacientes internados com suspeita ou confirmação da doença; 29 deles em UTI.

O Hospital Beneficente Unimar tem 22 pacientes internados pela pandemia, dez deles na UTI SUS para Covid, que está lotada. Outros três pacientes estão na UTI particular e os demais (9) ocupam leitos da Enfermaria, também em espaço reservado à pandemia.

Na Santa Casa são 19 os pacientes internados com suspeita ou confirmação de Coronavírus, nove em UTI e dez em Enfermaria. E no Hospital das Clínicas 12 leitos estão ocupados pela pandemia, sendo sete em UTI, quatro em Enfermaria e um em Enfermaria Pediátrica.

Dos 53 pacientes internados atualmente, 40 são moradores de Marília e 13 de fora, em geral da região, já que Marília é referência em Saúde para 62 municípios.

Na santa Casa, dos 15 leitos de UTI Covid, nove estão ocupados. No HBU, dos 16 leitos de UTI Covid, 13 estão ocupados (dez na UTI SUS que está 100% ocupada). Já no HC, dos 22 leitos de Terapia Intensiva reservados à pandemia, sete estão com pacientes (nenhum é morador de Marília).

Novos leitos de UTI

Os três hospitais receberam 32 respiradores do Estado para reforço de UTI no enfrentamento à pandemia, caso seja necessário. Dez estão na santa Casa, dez no HBU e 12 no HC.

Utilizando esses equipamentos, o Município e as instituições cumpriram todos os protocolos públicos para o credenciamento inicial de 21 leitos de Terapia Intensiva para Covid.

Desses, dez são no HBU (que é referência municipal para Coronavírus), oito no Hospital das Clínicas (que é referência regional) e três na Santa Casa de Misericórdia.