Há 47 anos, Serginho Chulapa estreava pelo MAC e com gols

MAC 1973 – (em pé): Édson, Tércio, Dorival, Minuca, Ede e Helinho. (agachados): Mauro, Nei, Pulga, Toninho ll e Serginho Chulapa

Por Jorge Luiz/foto: Arquivo JM

 

No dia 4 de julho de 1973 (há 43 anos), o centroavante Serginho Chulapa (maior artilheiro da história do São Paulo Futebol Clube – 242 gols) estreava pelo profissional do Marília Atlético Clube (MAC), com 19 anos de idade. Ainda como ponta-esquerda, ele marcou os dois gols da vitória sobre o Barretos (2 a 1), em amistoso realizado no estádio Bento de Abreu.

Nesta partida também jogaram os pontas Mauro e Guará, que assim como Serginho, foram emprestados pelo Tricolor ao Alviceleste, na negociação que envolveu o centroavante Itamar Belassalma. Na vitória contra o Barretos, a escalação maqueana teve: Edson; Tércio (Dorival), Djalma, Minuca e Miro; Helinho e Toninho II (Luiz Américo); Mauro, Toninho, Serginho Chulapa e Guará. Técnico: Urubatão Nunes.

Antes de ser emprestado ao MAC, Serginho Chulapa já havia estreado como profissional pelo São Paulo. No dia 6 de junho de 1973, ele foi escalado pelo técnico Telê Santana, em um amistoso contra o Bahia. Quatro dias depois, marcou seu primeiro gol como profissional, no empate por 1 a 1 contra o Corinthians.

A passagem por empréstimo de Chulapa ao Marília durou apenas seis meses. Foram 22 partidas e cinco gols marcados e sua volta ao Tricolor aconteceu em dezembro de 1973.