‘A luta continua. Estamos no meio de uma guerra’, diz prefeito Daniel Alonso

O prefeito Daniel Alonso (PSDB) se pronunciou através de live na internet após a divulgação da liminar que faz com que Marília volte a cumprir o decreto estadual no que diz respeito às medidas de contenção no enfrentamento da pandemia de Covid-19. “A luta continua. Estamos no meio de uma guerra”, disse ele.

“A Justiça cassou o nosso decreto (municipal) e o nosso direito de trabalhar. Ainda não fomos notificados e assim que isso acontecer estaremos reunidos com nossos advogados para tomarmos as medidas cabíveis. Lógico que vamos recorrer”, disse o chefe do Executivo Municipal.

Segundo Daniel, a luta contra a Covid-19 continua, bem como a luta para poupar e preservar a vida de todos. “Também continuaremos com a luta para garantir o pão de cada dia e a autonomia de nossa cidade. Não moramos na União e nem no Estado, mas sim em Marília. Nada melhor que nossa gente e nosso povo para decidir o nosso futuro”.

Conforme o prefeito, existe um comitê de contingenciamento de crise responsável. “Estamos embasados e unidos. Existem autoridades médicas, científicas, epidemiológicas, de vigilância sanitária, de fiscalização. Todos estão unidos e irmanados. Enquanto não chegar a notificação continua tudo como está”, finalizou.