Paciente com Coronavírus recebe alta hospitalar

No estado de São Paulo a pandemia já atinge 75% das cidades

 

Foto: Divulgação

O único paciente de Marília com Covid-19 que estava internado teve alta hospitalar e segue em isolamento em casa. Restam cinco moradores da cidade hospitalizadas por Coronavírus, mas com suspeita da doença, aguardando o exame. O balanço municipal atualizou o total de casos positivos para 39 nessa quarta-feira (20).

Há dois casos novos de Coronavírus, ambos são de mulheres, uma adulta de 38 anos e uma adolescente de 17. Elas seguem sob observação em isolamento domiciliar. 

Os 39 casos incluem 13 pacientes que ainda oferecem risco de transmissão e o óbito de um idoso de 83 anos que faleceu no dia 30 de março. Os outros 25 já tiveram cura.

Os pacientes com suspeita da doença aumentaram de terça para quarta-feira, passando de 33 a 38. Um caso que configurava entre os suspeitos recebeu resultado negativo para Covid-19. Ao todo, o Município já descartou 241 casos investigados e negativados.

No endereço virtual http://coronavirus.marilia.sp.gov.br/mapa as pessoas encontraram o mapeamento de todos os casos e ao clicar em cada um deles terão informações adicionais, como perfil dos pacientes, região de moradia e data da notificação.

Região

Na região, os casos de Coronavírus crescem. Bauru tem 221 pacientes confirmados; Botucatu 181; Jaú 144; Lençóis Paulista 99; Ourinhos 45; Assis 38; e Lins 32.

Garça, a 34 quilômetros de Marília, teve mais um caso nessa quarta-feira (20) e agora está com dez confirmações da doença. O paciente, de 47 anos de idade, deu entrada na UPA com sintomas. O teste rápido diagnosticou o Coronavírus. Ele está em isolamento domiciliar.

De acordo com a Prefeitura de Garça há também mais três casos suspeitos de Covid-19, entre eles, o óbito de um homem de 59 anos que está sendo investigado.

Os outros dois pacientes suspeitos são: uma mulher de 44 anos e um homem de 33 anos. Ambos com transmissão comunitária e em isolamento domiciliar. Na soma, há cinco casos suspeitos.

Dos dez casos positivos de Garça, sete pessoas já se recuperaram e receberam alta. São 26 os exames com resultado negativo. Há na cidade um óbito sendo investigado.

Covid-19 em São Paulo atinge 75% das cidades

Os casos de Covid-19 atingiram 75% das cidades paulistas. Mais de 69 mil vítimas da doença foram confirmadas e 5.363 são fatais. A taxa de ocupação dos leitos de UTI reservados à pandemia está em 71,7% no estado.

O último balanço estadual registra pelo menos uma pessoa infectada em 484 municípios de São Paulo. O estado totaliza 69.859 casos confirmados e 5.363 mortes, sendo que ocorreram 216 em 24 horas, de terça para quarta-feira (20).

Há 10,8 mil pacientes internados em SP, sendo 4.169 em UTI e 6.645 em enfermaria. A ocupação dos leitos reservados para atendimento a Covid-19 nas Unidades de Terapia Intensiva chegou a 71,7%, sendo ainda maior na capital: 87,9% (Grande São Paulo).  

Os óbitos continuam concentrados em pacientes com 60 anos ou mais, totalizando 73,1% das mortes. Observando faixas etárias subdividas a cada dez anos, nota-se que a mortalidade é maior entre 70 e 79 anos (1.299 do total), seguida por 60-69 anos (1.235) e 80-89 (1.039). Também faleceram 347 pessoas com mais de 90 anos.

Fora desse grupo de idosos, há também alta mortalidade entre pessoas de 50 a 59 anos (760 do total), seguida pelas faixas de 40 a 49 (389), 30 a 39 (225), 20 a 29 (45) e 10 a 19 (15), e nove com menos de dez anos.

Os principais fatores de risco associados à mortalidade são cardiopatia (58,8% dos óbitos), diabetes mellitus (43,3%), doença neurológica (11,3%), doença renal (10,4%) e pneumopatia (9,5%). Outros fatores identificados são imunodepressão, obesidade, asma e doenças hematológica e hepática.