Lilia Cabral celebra edição especial de Fina Estampa

Oito anos após sua exibição, o público pode matar a saudade de Fina Estampa. Desde ontem, Pereirão/Griselda e sua turma retornam à telinha da Globo.

Oito anos após sua exibição, o público pode matar a saudade de Fina Estampa. Desde ontem, Pereirão/Griselda e sua turma retornam à telinha da Globo.

A edição especial da novela substitui a primeira fase de Amor de Mãe no horário das 9, por conta da paralisação das gravações de novelas nos Estúdios Globo devido à epidemia de coronavírus.

Protagonista do folhetim assinado por Aguinaldo Silva, Lilia Cabral está radiante em poder rever as cenas de sua primeira protagonista na televisão:

Lilia revelou que, recentemente, assistiu alguns capítulos da história no Globoplay.

 Ao sentar para rever o primeiro episódio do folhetim, acabou maratonando os 20 primeiros capítulos.

 "A Griselda era solar, mesmo com todos os problemas que ela tinha com os filhos e com a vida sofrida dela.

Em nenhum momento ela era chata; era sempre divertida. Mesmo nos piores momentos, ela sabia tirar lições e também dava lições de vida para todos. O texto era muito bem escrito".

Ao fazer uma breve análise da personagem, a atriz contou ter aprendido muita lições com Griselda como, por exemplo, a lutar por aquilo que acredita.

A veterana afirmou ainda ter contribuído com um pouco de suas experiências para compor essa mulher batalhadora:

"Ela era um personagem de origem portuguesa, então, levei muita coisa da minha família, de sobrevivência, porque eu sou filha de imigrantes que vieram para o Brasil bem depois da Segunda Guerra e passaram por muitas dificuldades.

Mas a vida da gente não muda: continuamos lutando e batalhando para sobreviver seja em qual for o quesito.

E, se você perceber, a Griselda vai sobrevivendo até o fim da novela, como a gente. Isso só me incentiva a lutar sempre por aquilo que eu quero e acredito.

A vida já tinha me ensinado isso cedo, com minha família, e depois dessa novela eu continuo lutando ainda mais por aquilo que eu acredito".

Lilia aproveitou para reforçar o pedido que tem sido feito pelas autoridades para que as pessoas respeitem a quarentena e, aqueles que podem, fiquem em casa para ajudar a frear a epidemia do coronavírus:

"Espero que todos sigam as recomendações, se cuidem, e que, enquanto isso, a gente possa, com muita humildade, representar as novelas que ficarão fora do ar.

 Nessas horas, a gente só torce para que tudo dê certo: para que Amor de Mãe volte, que todo mundo curta o final, e para que as novelas que entrarão no ar agradem ao público.

Agora é preciso ter um pensamento de equipe, temos que pensar em todos", ressaltou a atriz.