Campanha compra segundo respirador pra UTI

Ação continua para aquisição do terceiro aparelho. Objetivo é atendimento aos pacientes com Covid-19

Foto: Divulgação

A campanha municipal contra o Coronavírus, que começou com um grupo de médicos e tem mais de 250 pessoas diretamente envolvidas, adquiriu o segundo respirador para Unidade de Terapia Intensiva.

Os equipamentos adquiridos custam R$ 38 mil cada e servem para aumentar leitos de UTI.

A iniciativa foi tomada diante do risco de grande aumento de pacientes graves na cidade, por conta da pandemia. O idealizador da ação foi o psicogeriatra Juliano Rubatino que se ateve à importância da ajuda em função da sua especialidade, com maioria idosa entre os pacientes.

Um respirador atende uma pessoa por vez e pode levar semanas até a recuperação de cada paciente com Covid-19 atendido em UTI. Além de Rubatino, outros médicos estão na campanha, como Mário Furlanetto, Eliandro Gutierrez e Igor Bienert. Incluindo profissionais que atuam no Hospital das Clínicas.

Os dois respiradores já foram encomendados e serão encaminhados à UTI do Hospital das Clínicas, que atende aos pacientes SUS. O HC integra a autarquia HC/Famema, que abrange o complexo de saúde da Faculdade de Medicina de Marília, maior referência em saúde pública da região.

A área de abrangência do DRS IX (Departamento Regional de Saúde de Marília), órgão vinculado à Secretaria de Estado da Saúde, compreende 62 municípios e uma população de 1,2 milhão de habitantes.

Nessa área há 802 leitos gerais, sendo 617 de atendimento SUS (Sistema Único de Saúde), e 150 leitos de UTI. Em Marília, os leitos para adultos em Unidades de Terapia Intensiva estão no Hospital das Clínicas (28), no Hospital Beneficente Unimar (30) e na Santa Casa de Misericórdia (19).

Cada leito de UTI possui um respirador, mas é provável que o Município tenha que aumentar seus leitos de Terapia Intensiva, adaptando leitos gerais, para dar conta da demanda.

“O Hospital das Clínicas tem número suficiente para as situações normais, mas deve faltar na pandemia”. O aparelho é essencial ao tratamento de pacientes com Coronavírus pela redução da capacidade respiratória.

Campanha segue por terceiro respirador

Em menos de uma semana a campanha arrecadou em torno de cem mil reais e segue para a aquisição do terceiro respirador. As doações estão abertas, podendo ser feitas pelo Banco Itaú (341); agência nº 9175; conta corrente nº 01300-3; CNPJ nº 13.819.356/0001-01, da ONG Semear, que é parceira da iniciativa.