Sindicato quer medidas preventivas contra coronavírus para motoristas do transporte coletivo

O Sindicato pede respaldo do município em relação à saúde, salário e relação de emprego com as concessionárias

O Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários e urbano de Marília  e Região, protocolizou hoje (20) uma solicitação de reunião com o prefeito Daniel Alonso, para cobrar do chefe do executivo ações de prevenção que atendam os trabalhadores da categoria, uma vez que, outros decretos, já tenham sido editados pelo município.

"...a municipalidade tem contrato de  CONCESSÃO, com as concessionárias TRANSPORTE COLETIVO GRANDE MARÍLIA E VIAÇÃO SORRISO DE MARÍLIA, ambas com contratos vigentes e operantes(...) Considerando a sensibilidade  dos atos decretados por este executivo municipal para proteger  e tutelar os funcionários públicos municipais, SENSIBILIDADE QUE ROGAMOS HAJA COM OS EMPREGADOS DA CONCESSIONÁRIAS PELA MESMA MOTIVAÇÃO!",diz um trecho do documento.

O Sindicato pede respaldo do município em relação à saúde, salário e relação  de emprego com as concessionárias.