Democracia em vertigem concorre ao Oscar de melhor documentário

Documentário conta a história sobre Impeachment de Dilma

Democracia em Vertigem, dirigido por Petra Costa e distribuído pela Netflix, foi indicado ao Oscar 2020 de melhor documentário.

O filme concorre com Indústria Americana (produzido pelo casal Barack e Michelle Obama), The Cave, For Sama e Honeyland.

O anúncio das indicações foi feito na manhã dessa segunda-feira (13).

Em Democracia em Vertigem, Costa faz um retrato pessoal do processo que tirou Dilma da presidência do Brasil, em 2016, a partir de um ponto de vista pessoal, misturando sua história familiar com a trajetória política do país.

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva escreveu em seu Twitter "Parabéns, Petra Costa, pela seriedade com que narrou esse importante período de nossa história. Viva o cinema nacional! A verdade vencerá".

Já o perfil do PSDB na mesma rede social chamou a produção de "ficção".

O secretário Especial de Cultura do governo Federal, Roberto Alvim, ironizou em entrevista à coluna de Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo: "Se fosse na categoria ficção, estaria correta a indicação".

 

 

Com informações do UOL