Câmara passa a ter vale alimentação de R$ 642; valor 78% mais alto que o da prefeitura

Presidente Marcos Rezende e vereadores Evandro Galete e João do Bar assinam o aumento

A Mesa Diretora da Câmara, representada pelo presidente, Marcos Rezende (PSD), 1º secretário, Evandro Galete (Podemos) e 2º secretário, João do Bar (PHS) ,em seu 1º ato, datado de 10 de janeiro de 2020, reajusta o valor do Vale- Alimentação dos servidores da Câmara, que passa dos R$ 597,50 para R$ 642,00.

O aumento foi publicado no Diário Oficial do Município (DOMM) de sábado, dia 11.

Com este aumento de 7,3%, considerando o índice Geral de Preços do Mercado (IGPM) o vale alimentação da Câmara passa a ser 78% mais alto que o da prefeitura.

Para se ter uma ideia, o Vale-Alimentação dos servidores do Daem, Ipremm e prefeitura é de R$ 360,00.