Mariliense atua como bombeiro em incêndios na Austrália

Marcos Antonio Carchedi Filho mora no país da Oceania há cinco anos e atua como bombeiro

Por Matheus Brito / Fotos: Divulgação

 

O mariliense Marcos Antonio Carchedi Filho tem autuado como bombeiros no combate aos incêndios florestais que atingem a Austrália e já vitimaram 27 pessoas, destruíram milhares de residências e comprometeram a fauna e flora do país.

Filho do ex-comandante do Corpo de Bombeiros de Marília, o coronel Marcos Antonio Carchedi, Marcos reside a cinco anos na cidade australiana de Tahmoor. Em contato com a reportagem do Jornal da Manhã, ele afirmou que tem atuado no combate a incêndios em pelos menos dez municípios.

“O fogo começou aqui durante uma tempestade após um raio. Os incêndios florestais são comuns nessa epóca e necessários para a renovação da fauna e flora da Austrália. A novidade esse ano é que não teve chuva e isso favoreceu a propagação”, disse.

Segundo Marcos, o combate a incêndios tem sido diário. Ele relatou que o fogo é difícil de dissipar, pois as labaredas atingem cerca de 30 metros de altura.

“A maior preocupação são sempre as áreas habitadas entre a floresta e as cidades maiores. O incêndio aqui é diferente do Brasil, pois existem muitos eucaliptos. Já atuei combatendo chamas de quase 30 metros”, afirmou.

O mariliense elogiou o planejamento do governo australiano para evacuação e combate aos incêndios. “Eles conseguem prever com horas a movimentação do fogo. As pessoas são avisadas para evacuar esses locais por mensagens de texto ou usam aplicativo. Esse planejamento do governo é fantástico”, finalizou.