Trio é preso pela morte de servidor municipal em Lins

Fernando José Teodoro, de 51 anos, foi morto enquanto dormia com golpes de barra de ferro

Por Matheus Brito / Foto: J.Serafim

Os atletas Anderson Rodrigues da Silva, de 20 anos, Lázaro de Jesus dos Santos, de 18 anos, e um adolescente, de 16 anos, foram presos na quinta-feira (9) por policiais militares acusados do assassinato do servidor público Fernando José Teodoro, de 51 anos, que foi encontrado morto na noite de quarta-feira (8) numa estrada vicinal em Júlio Mesquita (cerca de 30 quilômetros de Marília).

De acordo com informações da Polícia Militar (PM), durante patrulhamento por Lins (cerca de 70 quilômetros de Marília), os policiais militares abordaram Santos e o adolescente, que confessaram participação no assassinato e indicaram o autor do crime.

Silva foi encontrado na residência da namorada e também confessou o crime. Ele disse que vinha sendo assediado por Teodoro e ao informar que não gostou a vítima teria exigido dinheiro para permanecer na estadia, que administrava.

Durante a noite de quarta-feira, Silva esperou Teodoro ir dormir e o atacou com uma barra de ferro, atingindo cabeça e face. Os outros dois rapazes o ajudaram a remover o corpo e desovar no matagal na estrada vicinal.

Silva e Santos tiveram a prisão temporária decretada por 30 dias e devem ser indiciados pelos crimes de homicídio qualificado. Se condenados, a dupla pode pegar uma pena de até 30 anos de reclusão. Já o adolescente foi encaminhado para audiência de custódia na Vara da Infância e Juventude de Lins.