Maquinho encara time eliminado para garantir a vaga nas oitavas

Hoje, a equipe sub-20 depende somente de si para avançar às oitavas de final do estadual de base da 2ª Divisão

Não é só o profissional do Marília Atlético Clube (MAC) que busca classificação para o mata-mata do Campeonato Paulista neste fim de semana. Hoje (dia 21), a equipe sub-20 depende somente de si para avançar às oitavas de final do estadual de base da 2ª Divisão. Na vice-liderança do ‘Grupo 3’ com dez pontos, o Alviceleste encara o lanterna e já eliminado Elosport (com 4), às 15h, em Capão Bonito, pela última rodada desta 1ª fase.

 

A vitória neste sábado garante a vaga na 2ª colocação, já que o líder XV de Jaú, que folga nesta rodada, confirmou a 1ª posição com 22 pontos. O empate diante do Elosport também deve dar a classificação maqueana, pois a Santacruzense (3º lugar com 8) chegaria aos mesmos 11 pontos se vencer o Assisense em casa, mas teria que tirar um saldo que atualmente é de nove gols favorável ao Maquinho (8 contra -1).

 

Até mesmo em caso de derrota hoje o MAC pode chegar às oitavas de final como 2º lugar, mas para isso o outro jogo deverá terminar empatado ou o Assisense ganhar. O time de Assis chegaria aos mesmos dez pontos do Alviceleste em caso de vitória, mas teria que tirar uma diferença de 14 gols de saldo (8 contra -6). Se o Maquinho acabar a rodada na 3ª posição, ainda pode avançar como um dos quatro melhores terceiros lugares entre os seis grupos.

 

Para o técnico Daniel Sabino, o fato de enfrentar neste sábado um adversário que já está eliminado, não pode ser considerado vitória certa. “É claro que é muito melhor encarar um time que está fora do que um outro que briga por vaga, mas acredito que como último jogo deles, vão querer ganhar. O perigo de jogar contra uma equipe assim é que vão vir sem responsabilidade e se atiram para o ataque sem medo. Temos que ter muita atenção. Acho que até que o nosso maior adversário será a distância (388 km até Capão Bonito) e isso gera um desagaste físico”, explicou. No 1º turno, Marília e Elosport jogaram no Abreuzão e o time da casa goleou por 8 a 1.

 

Problemas

 

O treinador maqueano terá problemas para escalar o time. No gol, o terceiro goleiro Dida tem boas chances de ser o titular. André, que atuou no jogo passado, foi liberado para resolver assuntos particulares. Caio, que já havia ficado de fora da última rodada por lesão no tornozelo direito, vai viajar com a delegação, mas ainda não tem sua participação confirmada.

 

Dois desfalques certos são o volante Tico e o meia-atacante Diego Carvalho. O primeiro foi punido com dois jogos de suspensão no Tribunal de Justiça Desportiva (TJD) essa semana, pela expulsão na derrota para o XV de Jaú (5 a 3), fora de casa e só retorna na próxima partida, se o time se classificar. O mesmo acontece com o segundo, que está fora por ter recebido o terceiro cartão amarelo no último jogo.

 

Lucas segue como titular na vaga de Tico e o substituto de Diego Carvalho será o meia Matheus Coruja. Na zaga, Daniel Sabino tem dúvida sobre a manutenção de Alysson ou a volta de Danilo. O técnico ganhou quatro novas opções no elenco, que foram inscritos na semana passada: os zagueiros Rubens e Alexandre (Serrano-PB), o volante Guilherme Valgas e o meia-atacante Matheus Lopes (Metropolitano-SC).

 

O provável time maqueano terá: Caio (Dida); Dagoberto, Alysson (Danilo), João Espadoto e Felipe Mello; Vinícius Ferreira, Lucas e Talisson; Matheus Coruja, Luan e Gustavo Nescau.