Maitre é vítima de falsa acusação de crime e autores devem ser processados

Autores da Fake News devem ser processados

O maitre de 46 anos, 30 deles dedicado ao trabalho em restaurantes e casas noturnas de Marília (com carteira assinada), Emerson Roberto Aguiar, está passando por maus bocados devido a uma Fake News divulgada por dois veículos de comunicação, que o apontam como ladrão de moto.

 

Segundo Emerson, os dois portais, há dois dias, veicularam imagens frontais dele saindo com a própria moto, de um bolsão na avenida Tancredo Neves, onde uma outra moto, de tamanho e cilindrada diferentes,  foi furtada, no mesmo dia.

 

Além dos portais de notícias, pelo menos duas lojas do centro comercial também divulgaram as imagens de uma câmera de segurança, onde aparecem o maitre saindo com sua moto (500 cilindradas), mas que nas postagens o acusam, de maneira totalmente equivocada, de estar furtando uma outra moto menor e de 250 cilindradas.

 

Se não fosse a atuação rápida de um policial que assistiu as imagens, desde o início e constatou que Emerson chegou e saiu com sua moto e que, na verdade, as imagens que circularam nas redes mostram apenas  sua saída, o final desta história poderia ser bem pior para o maitre.

 

Familiares da vítima dizem estar sofrendo ameaças e que estão sendo alvos de ataques nas  redes sociais.

 

Ainda segundo Emerson,  sua mãe passou mal e sua namorada precisou ser medicada depois que os fatos foram veiculados nos portais e nas redes.

 

Para  preservar seus direitos, Emerson registrou um Boletim de Ocorrência e uma investigação foi iniciada para descobrir quem cedeu as imagens e quem postou as falsas acusações, para que sejam tomadas medidas judiciais contra os autores.