Bolsonaro não tem dor ou febre e vai iniciar fisioterapia, diz boletim

técnica utilizada foi a herniorrafia incisional com implantação de tela

O presidente Jair Bolsonaro está sem dor ou febre após ter sido submetido à quarta cirurgia desde que levou uma facada no abdômen em setembro do ano passado.

Segundo o boletim médico divulgado na manhã de hoje (9) pelo Hospital Vila Nova Star, Bolsonaro vai começar a fisioterapia motora, podendo sentar na poltrona e caminhar pelo quarto.

De acordo com o porta-voz da Presidência, Otávio Rêgo Barros, a movimentação é importante para que o presidente recupere as atividades intestinais.

A alimentação até o momento está sendo feita pela dieta líquida. Segundo Antônio Antonietto, diretor-médico do Nova Star, hospital da capital paulista onde Bolsonaro está desde a noite de sábado (7) para ser submetido ao procedimento, o presidente comeu ao menos três potes de gelatina, tomou chá e caldo ralo.

A cirurgia corrigiu um problema de hérnia surgido em decorrência do ferimento do atentado do ano passado.

A técnica utilizada foi a herniorrafia incisional com implantação de tela.

 

 

Com Agência Brasil