Adolescente mata pai com facada no coração

O dentista Aloísio Ahnert Tassara, de 51 anos, foi assassinado com uma facada no coração desferida pela filha, uma adolescente de 17 anos, na madrugada de ontem (23) na residência da família no Jardim Jaquitiba, na zona Leste da cidade.

 

Segundo apurado pela reportagem do Jornal da Manhã, o crime ocorreu por volta das 2h30, na rua José Freire Sobrinho. A filha teria tido um surto, por motivo ainda desconhecido, e se armou com uma faca. Ao tentar conte-la, o dentista foi golpeado na região do coração.

Tassara não resistiu ao ferimento e morreu ainda no local. Junto ao corpo do dentista foi encontrada a arma usada no crime e mais de R$ 18 mil em dinheiro.

 

Após o crime, a filha fugiu e foi encontrada por policiais militares com outra faca agarrada na chaminé da residência vizinha. Após negociação, a adolescente desceu e foi detida. Como apresentava desequilíbrio mental, a jovem foi levada por ambulância do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) para o Hospital das Clínicas (HC), onde permanece internada com escolta policial.

A adolescente deve ser indiciada em flagrante por ato infracional pelo crime de homicídio e encaminhada para audiência de custódia na Vara da Infância e Juventude de Marília.

 

O dentista é a décima primeira vítima de homicídio do ano em Marília. Os números são 57,1% superiores em comparativo com o mesmo período do ano passado quando haviam ocorrido sete mortes dolosas. Em todo 2018, a polícia contabilizou 11 casos de assassinato.