Entrevias oferece Wi-fi para atendimento de usuários nas rodovias

A concessionária também citou o projeto de duplicação de 83 quilômetros em dois trechos da rodovia SP-333

A concessionária Entrevias, que administra 271 quilômetros nas rodovias SP-333 e SP-294, entre Borborema e Florínea, disponibilizou a partir de ontem (14) rede Wi-fi para atendimento de usuários, que poderão manter contato com atendente por chamada de voz, vídeo ou conversar via chat.

Para conseguir uma conexão sem fio com qualidade, a concessionária investiu cerca de R$ 18 milhões e instalou 470 postes com Wi-fi ao longo da rodovia.

Para manter contato com o Centro de Controle Operacional, o usuário terá que se conectar pelo navegador do aparelho celular e acessar o site (www.entrevias.com.br), ou baixar o aplicativo Entrevias S.O.S.

“Escolhemos uma tecnologia chinesa e instalamos Wi-fi no maior trecho de rodovias no mundo. Há um poste com rede sem fio de internet a cada 600 metros. Com essa tecnologia vamos conseguir melhorar para o usuário o serviço operacional e também a informação”, disse o presidente da Entrevias, Sérgio Santillan.

Novos investimentos –

No lançamento do novo serviço, a concessionária também citou o projeto de duplicação de 83 quilômetros em dois trechos da rodovia SP-333, entre Marília e Júlio Mesquita, e entre Marília e Assis.

A obra deve custar R$ 370 milhões e a previsão é que esteja concluída até o final de 2021.

“Esses projetos já estão aprovados pela Agência Reguladores e estão em fase final de licenciamento ambiental. Acreditamos que s obras se iniciem no máximo no início do próximo ano e se conclua até o final de 2021. Lembrando que é um trecho complicado até Assis, pois existem serras”, disse.

Santillan ainda lembrou que nesses dois anos de concessão, a Entrevias já repassou aos municípios 12,7 milhões de ISS e conseguiu reduzir em 19% as mortes em acidentes.

“Fizemos investimentos na pavimentação asfáltica e também na sinalização de solo e placas. Conseguimos uma redução significativa do número de vítimas fatais em acidentes e obtivemos nota 8,3 na avaliação feita pelo Seade com os usuários da rodovia”, finalizou.

 

Por Matheus Brito/Fotos: Edio Jr.