Buscando reabilitação, Maquinho quer manter o tabu hoje em Assis

Partida contra o Assisense acontece às 15h e será válida pela 3ª rodada do Paulista Sub-20 da 2ª Divisão

O Marília Atlético Clube (MAC) busca reabilitação hoje (dia 14), contra o Assisense, às 15h, em Assis, pela 3ª rodada do Campeonato Paulista Sub-20 da 2ª Divisão. Na partida passada no Bento de Abreu, derrota de virada para o XV de Jaú (2 a 1). Para tentar a primeira vitória na competição, o Maquinho se apega ao retrospecto no estádio Antônio Viana da Silva em 2019: uma vitória e um empate.

O primeiro jogo em Assis nesta temporada foi pela 2ª fase da Copa São Paulo Junior e o adversário foi o Vocem. O Alviceleste venceu por 3 a 2 no dia 11 de janeiro. Mês passado, pela semifinal dos Jogos Regionais, o MAC empatou em 0 a 0 com o Assisense e avançou nas penalidades, inclusive conquistou o título. “É um fator positivo estar invicto nesse estádio e que pode nos ajudar, já que quase todo o nosso elenco já atuou por pelo menos uma das competições nesse local”, afirmou o técnico Daniel Sabino, que comandou o time nas duas ocasiões.

O Marília está na 4ª colocação do ‘Grupo 3’ com um ponto. A equipe estreou com empate diante da Santacruzense (0 a 0), fora de casa, e perdeu para o XV de Jaú (2 a 1) como mandante. O Assisense está em 3º lugar também com um ponto, mas com uma partida a menos. O único jogo até agora foi o 0 a 0 contra o XV, em Jaú. O grupo é formado por cinco agremiações, todas jogam entre si em dois turnos e somente os dois primeiros colocados avançam diretamente para as oitavas de final, além dos quatro melhores terceiros lugares.

O técnico Daniel Sabino fez mistério sobre a escalação da equipe, mas apontou algumas preocupações com sua equipe, por conta da virada sofrida no último jogo. “Sei que é um elenco muito jovem, com apenas três jogadores no limite da idade para essa categoria e que a falta de maturidade pesa, mas precisamos ter mais controle de bola e reclamar menos com a arbitragem”, destacou.

A equipe maqueana titular na rodada passada foi: André; Dagoberto, Vinícius Pereira, Danilo e Felipe Mello. Vinícius Ferreira, Tico e Matheus Coruja; João Victor, Luan e Lucão. O Assisense pode ter em campo contra o Marília, dois conhecidos. Um é o volante Matheus Tchê Tchê, que defendeu o Maquinho na Copa São Paulo Junior. O outro é o meia Esquerdinha, que chegou a treinar com o profissional, mas foi dispensado. A outra partida do ‘Grupo 3’ acontece nesta quarta-feira, às 15h, em Jaú entre XV x Elosport.