PM deixa “Gordão” sem bala

X-9 disse que Gordão tava com cara de arteiro perto da Rodoviária

O desempregado Aislan Carlos Alves, de 27 anos, também conhecido como “Gordão”, foi preso por policiais militares após ser flagrado com comprimidos de ecstasy na quinta-feira (8) na avenida Carlos Artêncio, no Distrito Industrial, na zona Leste da cidade.

De acordo com informações da Polícia Militar (PM), uma denúncia anônima delatou que o acusado estaria em atitude suspeita no Terminal Rodoviário Interestadual.

Alves foi abordado e no bolso de sua calça encontrado 200 comprimidos de ecstasy, além de R$ 480 em dinheiro.

O desempregado confessou aos policiais militares que foi até Ribeirão Preto e comprou cada comprimido da droga por R$ 10 e revenderia por R$ 30 numa festa rave em Marília.

Alves foi indiciado em flagrante pelo crime de tráfico de entorpecentes e recolhido para a penitenciária de Marília.

A pena pode chegar até 15 anos de prisão em regime fechado.