Dise apreende pinos de crack na favela do Azaléia

Desempregado confessou o crime

Por Matheus Brito

 

O desempregado Lucas Pereira Paiva, de 23 anos, foi preso por policiais civis da Dise (Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes) após ação apreender 50 pinos de crack em sua residência na segunda-feira (10) na favela do Parque das Azaléias, na zona Sul da cidade.

Segundo o delegado Luís Marcelo Perpétuo Sampaio, investigação da delegacia especializada em narcóticos apontou que o acusado atuava vendendo drogas em uma “biqueira” na rua Ângelo Raspante.

Policiais civis cumpriram mandado de busca na residência do desempregado, localizada na rua Pedro Alves Filho, e apreenderam uma “muca” com os pinos de crack.

Paiva não foi encontrado no imóvel, mas minutos depois foi preso por policiais militares com uma motocicleta furtada.

Em depoimento à Polícia Civil, o desempregado confessou que vendia cada pino de crack por R$ 5.

Paiva foi indiciado em flagrante pelo crime de tráfico de entorpecentes e recolhido para a penitenciária de Marília.

Em caso de condenação, o desempregado pode pegar uma pena de até 15 anos de prisão em regime fechado.