MAC não tem 3 vitórias como visitante desde acesso em 2014

Gol da vitória contra o Assisense foi marcado aos 53 minutos do segundo tempo

O placar de 1 a 0 sobre o Assisense no estádio Tonicão, em Assis, pela 5ª rodada do Campeonato Paulista da 4ª Divisão (Sub-23), representou bem mais que a liderança do ‘Grupo 4’. Foi a terceira vitória como visitante (em três jogos) do Alviceleste, algo que não acontecia em uma competição desde o acesso na Série A-2 de 2014, quando o time venceu cinco das dez partidas fora de casa (teve mais um empate e quatro derrotas).

O único gol maqueano do domingo foi marcado pelo atacante Lucas Souza, que saiu do banco de reservas para bater o pênalti aos 53 minutos do segundo tempo, após o lateral-esquerdo Renan (Asisense) ter impedido a finalização do meia Ícaro com a mão, dentro da grande área.

“Eu estava um pouco frio ainda, porque havia acabado de entrar, mas eu estava confiante que ia fazer o gol. Eu pedi para o Mykaell, que também queria cobrar e ele deixou comigo”, explicou Lucas Souza, que é um dos artilheiros do Marília na ‘Bezinha’, com dois gols, ao lado do centroavante João Féres.

Os dois gols de Lucas Souza na competição foram assinalados no estádio Tonicão, em Assis. O primeiro foi na estreia do time, na vitória de 3 a 1 sobre o Vocem, em que o atacante marcou o segundo gol. “Lá está dando sorte e que tenham mais jogos lá”, brincou o jogador.

 

Ficha técnica:

 

Local: Estádio Antônio Viana da Silva, em Assis

Público: 181 pagantes

Renda: R$ 1.810,00

Árbitro: Paulo César Francisco

Cartões amarelos: Léo e Renan (Assisense); Erik Bessa (Marília)

Cartão vermelho: Renan (Assisense)

Gol: Lucas Souza ‘pen.’ 53/2T (Marília)

 

Assisense – Luiz; Silva (Paulinho), David, Alemão e Renan; Léo (Kaká), Juninho, Omar e Léo Ferreira (Igor); Cesinha e Vitor Alex. Técnico: Paulo César Santos “PC”.

 

Marília – Geílson; Mateus Mima, Raphael, Brunão e Fernandinho; Hebert, Mykaell e Ícaro; Richard Tank (Lucas Souza), Erik Bessa (Felipe Mello) e Lucas Lima (João Féres). Técnico: Ricardo Costa.