Nossas mães

Minha mãe, sua mãe, nossa mãe A minha tem 99 anos feliz como ninguém Ela é de 1920, completa 100 anos que vem Dia das mães dia triste para quem não tem

 

Minha mãe, sua mãe, nossa mãe

A minha tem 99 anos feliz como ninguém

Ela é de 1920, completa 100 anos que vem

Dia das mães dia triste para quem não tem

 

Sua mãe eu tenho certeza 

Falo com muita clareza

Não é diferente da minha

Pra você e seus irmãos é a rainha

 

Sua luta começa ao amanhecer

E aí vai, vai, vai até o anoitecer

O tempo todo quer nos proteger

Faz de tudo para o filho na vida vencer

 

Nossa mãe celestial quanto sofrimento

Nas mãos da multidão seu filho Jesus Cristo detento

Imaginam o coração dessa mãe vendo seu filho crucificado

São muitas mães que sabe o significado de um coração apertado

 

Para as mães dou esta poesia de presente

É um presente de Deus que me deixa contente 

São elas que nos ensinam: viver, estudar, trabalhar e amar

A minha mãe e todas as mães com essa poesia vou abraçar. 

 

(Mario Milani, madrugada do dia 5 de maio de 2019)