Maquinho está no ‘Grupo 1’ do Paulista Sub-11 e 13 com 6 adversários

Somente os dois primeiros colocados de cada grupo avançam diretamente para as oitavas de final

A Federação Paulista de Futebol (FPF) divulgou ontem os grupos do Campeonato Paulista Sub-11 e Sub-13, que começam no dia 19 de maio. O Marília Atlético Clube (MAC) representado pela escolinha Stadium BR, está no ‘Grupo 1’ com: Catanduva, Catanduvense, Penapolense, Mirassol, Osvaldo Cruz e Olímpia. Todos jogarão entre si nesta 1ª fase em dois turnos e somente os dois primeiros colocados têm classificação direta para as oitavas de final.

O estadual das duas categorias tem 49 agremiações cada, divididas em sete grupos de sete times cada. Além dos dois primeiros colocados de cada chave, os dois melhores terceiros colocados também irão avançar. “A cada ano que passa a competição nessas duas categorias fica mais organizada e a participação dos clubes é maior”, explicou o coordenador da Stadium BR, Marco Aurélio Jorge, o “Marcão”.

Sobre o grupo em que os times maqueanos estão, Marcão reconheceu que será difícil conseguir uma das duas vagas. “São sete equipes e só duas avançam. Para mim são dois favoritos, o Catanduva, que fez uma parceria com o Novorizontino e o Mirassol, que tem uma ótima estrutura de base”, destacou.  A tabela deverá ser divulgada ainda essa semana pela FPF.

No ano passado, a Stadium BR comandou as duas categorias com a camisa do MAC. O sub-13 não passou da 1ª fase e o sub-11 foi eliminado nas quartas de final pelo Santo André. Em 2019, além da dificuldade dos adversários, o coordenador lamentou os deslocamentos. “Em 2018, nosso grupo tinha equipes em cidades mais próximas, como o Noroeste e o Grêmio Prudente. Nossas distâncias aumentaram agora e teremos que sair de madrugada para jogar”, lamentou.

Os jogos acontecem aos domingos de manhã. O sub-11 começa às 9h e o sub-13 às 10h. As duas comissões técnicas maqueanas da temporada passada serão mantidas. O técnico Guilherme Pereira e o auxiliar Guilherme Freitas comandarão o sub-11 e Marcus Vinícius Jorge (treinador) e Yuri Lima (auxiliar) ficam no sub-13.