Coletores pedem ajuda da população para identificar seringas e vidros

Tudo o que o coletor de resíduos sólidos Marcos Roberto da Silva aos 40 anos não quer é que lhe aconteça algum acidente de trabalho. E isso não está muito difícil de acontecer não! Diversos moradores de Marília não têm descartado adequadamente seringas e restos de vidros no lixo domiciliar. Ele conversou na tarde desta quinta-feira (31) com a assessoria de imprensa da Prefeitura e falou sobre o as