‘Talentos 10’ tenta no desespero reaver a concessão do Abreuzão

Vice-presidente Giorge Leonardo disse que para mudar de cidade é preciso pagar R$ 800 mil de transferência na Federação

O Talentos 10 Atlético Clube (TAC) tem até hoje (dia 31) para convencer a Prefeitura Municipal de Marília a renovar o contrato de concessão do estádio Bento de Abreu, por pelo menos mais um ano, para a disputa do Campeonato Paulista da 4ª Divisão (Sub-23). O ultimato foi dado pela Federação Paulista de Futebol (FPF) no Conselho Arbitral, realizado na última terça-feira (dia 29).

Na semana passada, o secretário municipal de esportes, Eduardo Nascimento, que havia dado a concessão para o ‘Talentos 10’ no ano passado, disse que não tinha o interesse na renovação e que o assunto já estava encerrado. “Permiti que jogassem o ano passado, porque tinham sido prejudicados de última hora pelo Noroeste. Tenho certeza de que já ajudei bastante a eles, agora precisam seguir seu caminho em outro lugar”, declarou no último dia 25.

Entretanto, o vice-presidente do T10, Giorge Leonardo, não perdeu as esperanças de dissuadir Nascimento desta decisão. “Vamos tentar até o último minuto, pois não temos outra alternativa. Mesmo que conseguíssemos outra cidade para jogar a situação é complicada, pois para realizar essa transferência, seja para qual cidade for, temos que pagar R$ 800 mil para a Federação”, explicou.

O ‘Talentos 10’ está registrado na Federação como clube de Marília. No ano passado, quando aconteceu a filiação pela cidade, o valor pago pela agremiação foi de R$ 240 mil. “Temos boa relação na Federação, tanto que não temos nenhum tipo de pendência. O valor da filiação foi parcelado e a última parcela nós quitamos em setembro”, lembrou Giorge.

O vice-presidente do clube ressaltou que a não participação na Bezinha vai prejudicar muitas crianças e jovens, principalmente de Marília. “Nós temos parcerias com duas escolinhas da cidade (Passe Certo e Lácio), que no ano passado nos representaram nas categorias de base do Paulistão. Infelizmente essas crianças ficarão sem jogar esse ano se a concessão não for renovada. É uma pena, porque o Eduardo está utilizando um meio público para benefício particular, pois agora ele é diretor do MAC”, afirmou. Nascimento disse que não iria mais se pronunciar sobre o ‘Talentos 10’.