Sojinha reconhece reunião não-oficial, mas pede presença de conselheiros

Presidente quer organizar Conselho Deliberativo do MAC para que mais pessoas possam participar

A reunião do Conselho Deliberativo do Marília Atlético Clube (MAC) será realizada neste sábado (dia 8), a partir das 9h, na secretaria do estádio Bento de Abreu. Contudo, o presidente Antônio Carlos Sojinha, que fez a convocação na última segunda-feira (dia 3), reconheceu ontem que o encontro não segue as normas do estatuto e que a decisões não terão validade.

A Assembleia Geral Extraordinária chamada pelo dirigente não foi publicada em jornal da cidade no prazo determinado, como diz o estatuto no artigo 27: “A Assembleia Geral será convocada pelo presidente da Diretoria Executiva ou pelo presidente do Conselho Deliberativo, através de jornal local e com antecedência mínima de cinco dias, cuja cópia do edital deverá ser fixada em lugar visível na portaria do clube”.

“Na verdade eu quero uma reunião com os conselheiros para discutir alguns assuntos, que são de extrema importância para o clube, porque temos um vice-presidente que está renunciando e precisamos organizar o Conselho Deliberativo para que mais pessoas possam participar. Mesmo em um encontro informal, queria que todos comparecessem para deixarmos encaminhada algumas situações para uma próxima reunião em janeiro”, declarou Sojinha.

Um dos assuntos da pauta é a renúncia do vice-presidente maqueano, Antônio Abdala, o “Ica”, por problemas de saúde. Outro ponto em discussão será a “Inclusão de Novos Conselheiros no Quadro”, além da “Prestação de Contas de 2018”. Sojinha quer organizar a situação do Conselho Deliberativo, porque no momento ninguém sabe informar quantos e quem são os conselheiros. Pelo estatuto podem haver no máximo 31 membros titulares e 10 suplentes. “Depois de resolvermos isso, as vagas restantes serão preenchidas por aqueles que quiserem participar. Se houver mais interessados do que vagas, faremos uma votação”, frisou.