Casal cria projeto de futebol com aprendizado de idioma em Avencas

Iniciativa acontece todos os sábados, com futebol das 8h às 12 e aulas de espanhol das 13h30 às 18h

Desde setembro, o casal Jorge Camilo e Cleide Santos da Silva desenvolve o projeto social “Os Gigantes”, que oferece gratuitamente a pratica de futebol e o aprendizado do idioma espanhol a crianças de 4 a 15 anos, no distrito de Avencas. A iniciativa acontece aos sábados. O esporte é realizado das 8h às 12h, no campo distrital e as aulas de idioma ocorrem das 13h30 às 18h, na Subprefeitura.

“Em Avencas existem muitas famílias descendentes de espanhóis. O objetivo é preparar os alunos para a vida adulta com os treinamentos e com atenção às destrezas de cada um no lado esportivo, físico, intelectual e cultural. Queremos que o esporte e o idioma possam dar uma oportunidade de vida a eles”, destacou o jornalista e pedagogo Jorge Camilo, que nasceu na Espanha e mora em Marília há 27 anos.

A esposa Cleide Santos da Silva é tradutora. O material didático para o ensino é fornecido por 35 embaixadas no Brasil, que falam o espanhol. “Juntamos o futebol com o idioma, porque no Brasil esse esporte é uma paixão. Todos os meninos e meninas têm um time de coração e todos esses clubes possuem pelo menos um jogador que venha de um País da América do Sul. Nos estudos nós incentivamos os alunos a buscarem informações de seus ídolos, como o Romero, do Corinthians, que é paraguaio. Tem o Borja (colombiano) no Palmeiras, o Arboleda (equatoriano) no São Paulo e o Carlos Sanchez (uruguaio) no Santos”, comentou Jorge Camilo.

O pedagogo e jornalista disse que chegou a enviar cartas para todos os jogadores estrangeiros do futebol brasileiro, explicando sobre o projeto e pedindo a doação de bolas. “Como todo projeto social, temos nossas dificuldades financeiras e quem sabe, pelo menos alguns deles se sensibilizem com a causa”. O projeto “Os Gigantes” atende atualmente 25 crianças e conta também com o apoio do nutricionista Jeferson Santos, que orienta de forma preventiva as famílias dos garotos com a alimentação, já que o distrito é rico na agricultura. “A ideia é expandir o projeto para outros distritos e municípios”, finalizou Jorge Camilo. A iniciativa tem o apoio do vereador Evandro Galete.