Marília viaja com 293 atletas e 29 equipes para os Jogos Abertos

Basquete feminino mariliense vai disputar as competições da 2ª Divisão, em São Carlos, de 14 a 24 deste mês

Do dia 14 ao 24 acontece mais uma edição dos Jogos Abertos do Interior, que será realizada em São Carlos. Campeã dos Jogos Regionais em julho, que ocorreram na cidade, Marília vai participar com 29 equipes e 293 atletas. As modalidades campeãs dos Regionais disputam a 1ª Divisão e as vices participam da 2ª Divisão, nas categorias livre e sub-20.

Na 1ª Divisão Livre, Marília estará com: Badminton (masculino e feminino), capoeira (masculino), handebol (masculino), taekwondo (masculino e feminino), tênis (masculino e feminino), vôlei de praia (masculino) e xadrez (masculino). Na elite do sub-20 vão estar: damas, futebol masculino, futsal masculino e tênis de mesa (masculino e feminino).

Na 2ª Divisão Livre os participantes marilienses serão: basquete (feminino), biribol, bocha, capoeira (feminino), ciclismo (masculino), futebol (feminino), futsal (feminino), handebol (feminino), karatê (feminino), vôlei (masculino) e vôlei de praia (feminino). O único sub-20 será o vôlei feminino.

Além disso, algumas modalidades com vários membros na delegação também têm presença certa no evento. As maiores equipes de Marília são da Associação Mariliense de Esportes Inclusivos (Amei), na categoria ACD (atletas com deficiência). O atletismo e a natação terão 17 representantes cada. No convencional, as duas modalidades também participação com 16 e 6 atletas, respectivamente. Boxe (masculino e feminino) e kickboxing também entrarão em disputa.

Sede em 2019

Neste ano Marília voltou a sediar os Jogos Regionais depois de 24 anos e a próxima meta da SELJ será trazer os Jogos Abertos do Interior para a cidade em 2019. O registro de candidatura foi feito pelo município uma semana após os Regionais e a definição acontece durante a edição desta temporada, através de votação dos chefes de delegação de todas as cidades participantes.

Os nomes de outros municípios que estão pleiteando o evento não foram divulgados, mas Sorocaba e São Bernardo do Campo são candidatos possíveis. Em julho, Nascimento frisou que se a escolha fosse feita com base na avaliação da equipe técnica da Secretaria do Estado, a vitória de Marília seria praticamente certa. “Fomos muito elogiados pela realização dos Jogos Regionais. Nossa estrutura mostrou-se mais do que suficiente para a realização dos Abertos, que deve receber cerca de 15 mil atletas de todo o Estado”, frisou Nascimento.