Acim com manutenção da certificação por mais um ano

Diretoria e funcionários da Associação Comercial e Industrial de Marília (Acim) comemoraram a manutenção da normatização ISO9001:2015 pelo 10º ano consecutivo, depois de rigoroso processo de auditoria realizado pelos auditores: Fernando da Costa Procópio e Gilmar Zanardo, que entrevistaram funcionários, diretores, prestadores de serviços e associados, recomendando a manutenção do selo ISO9001:2015

Diretoria e funcionários da Associação Comercial e Industrial de Marília (Acim) comemoraram a manutenção da normatização ISO9001:2015 pelo 10º ano consecutivo, depois de rigoroso processo de auditoria realizado pelos auditores: Fernando da Costa Procópio e Gilmar Zanardo, que entrevistaram funcionários, diretores, prestadores de serviços e associados, recomendando a manutenção do selo ISO9001:2015, conquistado em 2008, sendo uma das primeiras associações comerciais do Brasil a ser normatizada internacionalmente. “Para nós é motivo de orgulho esta conquista, pois, não é fácil manter o selo diante da complexidade dos processos administrativo”, disse o presidente da ACI de Marília, Adriano Luiz Martins, ao parabenizar diretores, funcionários, prestadores de serviço e associados pela conquista obtida.
Durante dois dias os auditores vasculharam documentos, promoveram reuniões segmentadas e ainda pesquisaram sobre os processos de gestão, visando a recomendação de melhorias, acertos e ajustes que foram bem pequenos. “Estamos nos dedicando a esta regulamentação desde o começo do segundo semestre”, disse o superintendente da Acim, José Augusto Gomes, ao lembrar da existência de novos serviços, de procedimentos alterados e a criação de outros processos de gestão. “Foi preciso rever todos os procedimentos para adequação as normas atuais”, falou ao, também, parabenizar os funcionários pela dedicação a este trabalho complicado que exige muita atenção e dedicação. “Chegamos a temer pelo prazo curto, mas o nosso pessoal foi muito eficiente e eficaz neste serviço”, ressaltou Adriano Luiz Martins ao cumprimentar um a um que se envolveu nesta ação.
Anualmente o processo ISO9001:2015 é analisado e revisado e constantemente a auditoria averigua o trabalho realizado pela equipe da associação comercial. “Este ano tivemos o crescimento de quatro novos serviços, totalizando os 22 existentes, todos eles normatizados”, destacou Adriano Luiz Martins que chegou a ficar preocupado com a possibilidade de não haver tempo para as especificações. “Foi tenso o trabalho, mas com a colaboração de todos foi possível conseguir e ainda com louvor”, festejou o dirigente que mantém a normalização por mais um ano, iniciado em 2008 sendo pioneira neste tipo de ação. “Graças a normatização ISO9001 a associação comercial é considerada há cinco anos como modelo de gestão no Estado de São Paulo consecutivamente”, acredita o dirigente que tentará o sexto título oferecido pela Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo (Facesp).
A série ISO9000 é uma concentração de normas que formam um modelo de gestão da qualidade para organizações que podem, se desejarem, certificar os sistemas de gestão através de organismos de certificação. Foi elaborada através de um consenso internacional sobre as práticas que uma empresa pode tomar a fim de atender plenamente os requisitos de qualidade do cliente. A ISO9000 não fixa metas a serem atingidas pelas empresas a serem certificadas, a própria empresa é quem estabelece as metas a serem atingidas. Empresas de diversos segmentos empresariais que contam com a Certificação ISO9001 passam a oferecer: Melhora na qualidade dos produtos ou serviços; Atrai novos consumidores; Aumenta a margem de competitividade; Agrega confiança ao negócio; Diminui a possibilidade de erros; Reduz custos de negócio; Torna produtos compatíveis; Atende a regulamentos técnicos; Facilita a exportação de produtos e Aumenta chances de sucesso.