AD Vaz/Marília volta a jogar no sábado pelo Estadual de Futsal

Técnico Milton Vaz viajou para a Itália para firmar parcerias e trazer investimento para 2019

A Associação Dionísio Vaz/Marília volta a jogar pelo Campeonato Estadual de Futsal Masculino neste sábado (dia 13), às 19h, em Araçatuba, contra o Real Madruga, pela penúltima rodada desta 1ª fase. Ainda sem pontuar, o time precisa da vitória para seguir com chances de avançar as quartas de final e nesse período de três semanas sem atuar, o técnico Milton Vaz acertou a contratação de cinco reforços.

Os dois principais nomes são: o goleiro André, que estava no Guarulhense e que jogou a Liga Nacional de 2016 (principal competição do País) por São Bernardo; e o ala-pivô Alex, que veio do futsal italiano (Seleção Veneto). Os alas Ferreira e Caíque estavam no futebol de campo, mas começaram no futebol de salão na extinta agremiação sub-20 São Paulo/Marília/Construban, que era comandada por Milton Vaz, em 2011. O fixo Vitor também veio dos gramados (atuou pelo Assisense). Todos estão regularizados no estadual e ficam à disposição.

“Acreditamos que com a chegada desses reforços, aumentamos nossas chances de buscar uma das duas vagas de classificação. Sabemos que não será fácil, mas precisamos vencer em Araçatuba, para depois realizarmos o confronto direto contra Botucatu, em Marília”, explicou o treinador.

O grupo é formado por três times e somente o último colocado não avança. O Real Madruga lidera com seis pontos, seguido do Botucatuense com três. No primeiro turno, o AD Vaz foi goleado em casa, no ginásio da ADPM, pelo placar de 10 a 2, para Araçatuba e diante de Botucatu, fora de casa, derrota por 4 a 2.

Investimento 2019

O técnico Milton Vaz viajou na última terça-feira (dia 9), para a Itália, onde tentará firmar parcerias e buscar investimentos para o AD Vaz em 2019. O treinador trabalhou sete anos no País e comandou duas agremiações, além de ter dirigido um time de futsal na França. “Nosso objetivo é já no ano que vem disputar algumas das principais competições do Brasil e para isso precisamos de mais recursos e parcerias. Tenho meus contatos fora do País e estou bem otimista com o planejamento”, frisou.

Milton só voltará ao Brasil no dia 20 (sábado) e nesse período o auxiliar-técnico Bruno Ravanelli irá comandar a equipe mariliense no Campeonato Estadual.