Deputado constituinte visita Colégio Interação

Os 30 anos da Constituição Federal foram marcados pelo Interação com uma visita ilustre, do deputado federal constitucionalista de 1988, Oswaldo Doreto Campanari. Ontem, o médico oftalmologista, que é de Marília, esteve no colégio e, do alto dos seus 88 anos de idade, contou aos alunos parte de sua experiência na política nacional. O professor de História, Carlos Martins Toloi, abordou os 30 ano

Os 30 anos da Constituição Federal foram marcados pelo Interação com uma visita ilustre, do deputado federal constitucionalista de 1988, Oswaldo Doreto Campanari. Ontem, o médico oftalmologista, que é de Marília, esteve no colégio e, do alto dos seus 88 anos de idade, contou aos alunos parte de sua experiência na política nacional. 
O professor de História, Carlos Martins Toloi, abordou os 30 anos da Constituição em sala de aula com o ensino médio. O segundo ano produziu trabalhos fixados no pátio da escola e ontem, a data foi marcada pela visita do constituinte de Marília, Doreto Campanari.
Num dos trabalhos do ensino médio os alunos abordaram as mais de cem alterações na Constituição desde 88, que levaram às críticas dos constituintes por um lado, sobre o exagero de mudanças, e à defesa dos juristas, pela necessidade de atualização.
O professor de História apresentou o convidado aos alunos, que foi vereador de Marília, deputado estadual pelo Estado de São Paulo e deputado federal, participando diretamente da elaboração da Constituição Federal de 1988. “Dr. Doreto é uma figura histórica”, disse Toloi. Participaram da conversa os estudantes do primeiro ao terceiro ano do ensino médio.
Perguntado sobre algum posicionamento seu que mudaria na elaboração da constituição, se pudesse voltar a 88, o político salientou que a questão agrária foi tratada com superficialidade. “Acredito hoje que a terra deva pertencer à maioria que nela trabalhe e produza”, disse Oswaldo Doreto Campanari.