Encontro marca 25 anos da primeira turma da Unimar

Profissionais de engenharia agronômica que se formaram há 25 anos na primeira turma da Unimar realizaram um encontro ontem na universidade, com a presença de professores, familiares e do reitor Márcio Mesquita Serva. Os ex-alunos plantaram uma árvore no campus, fizeram um passeio pela fazenda experimental e participaram de um almoço. O encontro reuniu agrônomos da primeira turma da Unimar de dif

Profissionais de engenharia agronômica que se formaram há 25 anos na primeira turma da Unimar realizaram um encontro ontem na universidade, com a presença de professores, familiares e do reitor Márcio Mesquita Serva. Os ex-alunos plantaram uma árvore no campus, fizeram um passeio pela fazenda experimental e participaram de um almoço.
O encontro reuniu agrônomos da primeira turma da Unimar  de diferentes regiões do país, como Mato Grosso, Goiás, Paraná, Minas Gerais e São Paulo. A ideia de reunir os colegas foi do agrônomo Ricardo Luiz Canova. “Sempre tivemos vontade de se reunir, montamos um grupo no whatsapp fomos convidando a todos, também os professores e deu certo”, disse.
Ricardo Canova mora em Marília mas trabalha para empresa Syngenta e atua em todo Estado de São Paulo.  Ele afirma que o curso de engenharia agronômica da Unimar ofereceu base técnica para atuar no mercado de trabalho. “Saímos da faculdade com uma base muito boa e sempre temos que nos atualizar com a vinda da tecnologia”.
A agrônoma Marilaine Manica Brod, veio de Toledo (PR) para participar do encontro e ficou feliz em reencontrar colegas de turma. “É uma oportunidade única de rever os amigos e ver a faculdade também. Hoje a Unimar cresceu muito e tem uma estrutura melhor ainda do que antes. Foi muito importante para mim ter feito agronomia na Unimar. Eu faria de novo”.
Para Dirceu Mascarin, professor do curso de agronomia da Unimar desde a primeira turma, é gratificante encontrar os ex-alunos e ver que todos estão atuando na área. “Em 25 anos nunca encontrei um ex-aluno desempregado. O curso oferece um leque grande de possibilidades de atuação na profissão. Vemos que todos os egressos da agronomia estão em importantes cargos em empresas pelo país”, disse.
Mascarin afirma que a primeira turma da Unimar foi pioneira pois desde então houve um aprimoramento grande na formação dos professores e na estrutura oferecida no curso. “É um curso integral, com aulas práticas, corpo docente altamente qualificado com mestrado e doutorado. A qualidade do curso da Unimar pode ser comparada as melhores universidades de São Paulo”, disse o professor.
O reitor da Unimar, Márcio Mesquita Serva, disse que se sentia honrado com o encontro dos ex-alunos da primeira turma de agronomia. “É muito gratificante recebe-los e isso nos dá a sensação de missão cumprida. A Unimar foi a primeira faculdade privada de agronomia e veterinária. E a Unimar nunca parou. Acho que estamos no caminho certo. Não adianta só criar a faculdade, é preciso criar um núcleo onde professores e alunos se sintam bem”, disse.