Hemocentro faz curso de imuno-hematologia

O Hemocentro promoveu e sediou um curso de imuno-hematologia, voltado a desenvolver treinamento e capacitar os participantes. A atividade se dividiu em dois dias e atende a uma demanda de qualificação nessa área. O curso teve ênfase em análises clínicas e hemoterapia. De acordo com a biomédica Ana Lúcia Girello, que deu o curso em Marília, no Hemocentro, nos dias 12 e 13 deste mês, São Paulo está

O Hemocentro promoveu e sediou um curso de imuno-hematologia, voltado a desenvolver treinamento e capacitar os participantes. A atividade se dividiu em dois dias e atende a uma demanda de qualificação nessa área.
O curso teve ênfase em análises clínicas e hemoterapia. De acordo com a biomédica Ana Lúcia Girello, que deu o curso em Marília, no Hemocentro, nos dias 12 e 13 deste mês, São Paulo está em um estágio mais avançado na comparação com os outros estados, mas há uma carência de profissionais na área da imunologia.
“É uma honra poder ministrar esse módulo do curso aqui. Estamos trabalhando para reverter essa tendência. Com certeza, o Hemocentro, referência em qualidade, também proporciona à sua área de abrangência ferramentas para possibilitar o apoio às agências transfusionais”, mencionou a biomédica, que é consultora da Byoline e equipe da Bio-Rad.
O Hemocentro é referência para a região centro oeste do Estado de São Paulo com mais de dois milhões de habitantes em 101 municípios, incluindo as regiões de Bauru e Dracena, além dos 62 municípios que integram o Departamento Regional de Saúde de Marília.
“É uma satisfação poder participar desse aprimoramento técnico que vem ao encontro da filosofia do Hemocentro, com a finalidade de proporcionar padronização dos formatos e divulgação do conhecimento à nossa equipe e aos parceiros”, comentou o coordenador do Laboratório de Imuno-hematologia do Hemocentro, David Lopes Nevoa Júnior.