MAC devolve placar de Matão e avança em 3º lugar no Paulista Sub-20

Zagueiro Rafael Garutti marcou o segundo gol da vitória sobre a Matonense, ontem à tarde, no Abreuzão

 

No duelo que valia a classificação em 3º lugar do Grupo 1, o Marília Atlético Clube (MAC) venceu a Matonense por 2 a 1, ontem à tarde, no estádio Bento de Abreu, pela última rodada desta 1ª fase do Campeonato Paulista Sub-20. O Alviceleste devolveu o mesmo placar sofrido em Matão, no primeiro turno e mandou o adversário para o temido Grupo 10 da próxima etapa do estadual com: Palmeiras, Corinthians e Inter de Limeira.

O Maquinho foi para o Grupo 9 e irá enfrentar: São Paulo, XV de Piracicaba e Ferroviária. O sistema é semelhante ao da 1ª fase. Dentro dos seis grupos os times jogam entre si em dois turnos, sendo que os dois primeiros de cada avançam diretamente, além dos quatro melhores terceiros lugares. Em julho, por conta dos Jogos Regionais, o Campeonato Paulista será paralisado e só retorna em agosto. Nas próximas semanas a Federação Paulista de Futebol (FPF) divulgará as datas.

Na última rodada do Grupo 1, além da vitória maquean sobre a matonense, o líder Novorizontino (31 pontos) goleou o Barretos em casa por 10 a 0. O Rio Preto manteve na 2ª colocação (31) ao vencer o Penapolense por 2 a 0, que já estava fora. No duelo dos eliminados, o Olímpia perdeu em casa para o Monte Azul (4 a 1).

O jogo

Ontem no Abreuzão, a Matonense precisava somente de um empate para garantir a vaga em 3º lugar e o Maquinho queria a vitória para sair da 4ª colocação. O primeiro tempo foi praticamente ataque contra defesa para o time da casa. O visitante se defendia com uma linha com cinco marcadores, enquanto que o Alviceleste buscava os lançamentos em profundidade, na maioria armados pelos zagueiros Léo Salvador e Rafael Garutti.

Insistindo nos passes longos veio o gol maqueano aos 33 minutos da etapa inicial. Léo Salvador lançou o zagueiro Marcão, que atuou como volante. Ele dominou a bola na entrada da área, fez um drible para o lado e bateu colocado no alto, no canto esquerdo do goleiro Giovane (1 a 0).

O segundo gol aconteceu aos quatro minutos do segundo tempo. O meia Felipe Freitas cobrou falta da direita e o zagueiro Rafael Garutti subiu mais que a defesa na primeira trave, para desviar de cabeça (2 a 0). A partida parecia controlada, mas 11 minutos depois a Matonense diminuiu com o atacante Anderson Dias, que havia acabado de entrar no jogo. Desatenção da zaga maqueana em troca de passes do adversário e o camisa 18 recebeu livre quase dentro da pequena área, para finalizar (2 a 1).

 

Marília – Ian; Caio Peres, Léo Salvador, Rafael Garutti e Vinícius Abreu; Jeferson (Gustavo Garla), Marcão e Felipe Freitas (Wesley); Victor Diego, Dener (Juliano) e Lucão. Técnico: Daniel Sabino.

 

Matonense – Giovane; Weslei, Jackson (Ícaro), Santos e Igor (Vinícius); Wilker, Rômulo (Anderson Dias), Luiz e Matheus; Ramon e Anderson. Técnico: Gláucio Bastos.

 

Os seis grupos da 2ª fase:

 

GRUPO 6: Novorizontino, Audax, Ponte Preta e Red Bull

GRUPO 7: Botafogo, Desportivo Brasil, São Caetano e Juventus

GRUPO 8: Capivariano, União Barbarense, Portuguesa e Água Santa

GRUPO 9: São Paulo, Marília, XV de Piracicaba e Ferroviária

GRUPO 10: Palmeiras, Inter de Limeira, Corinthians e Matonense

GRUPO 11: Rio Preto, Ituano, Santo André e Guarani