Escolinha parceira do ‘Talentos 10’ recebe Lei de Incentivo ao Esporte

Passe Certo tem dois polos em Marília e atende gratuitamente cerca de 300 crianças de 6 a 17 anos

Nova agremiação de futebol profissional em Marília, o Talentos 10 Atlético Clube (TAC) existe em Bauru há 20 anos e tem parceria há dois com a escolinha mariliense Passe Certo, que ministra aulas em dois polos (zonas Norte e Sul), atendendo aproximadamente 300 crianças de 6 a 17 anos. O convênio entre ambos proporcionou a captação da Lei de Incentivo ao Esporte (6% da arrecadação do imposto renda de empresas).

“Fomos procurados na ocasião pelo Giorge Leonardo (vice-presidente do Talentos 10). Ele viu nosso trabalho e nos convidou para uma parceria. Com uma certa frequência viajamos até Bauru para jogos amistosos e palestras aos nossos professores”, explicou o coordenador e professor do Passe Certo, Benevaldo Brito Alves, o “Benê”. O ex-jogador de futebol de 49 anos, explicou que no ano passado a escolinha teve o recurso da Lei de Incentivo ao Esporte por cinco meses.

“Infelizmente é um processo burocrático e de detalhes. Era para termos recebido no começo do ano, mas só no segundo semestre conseguimos a liberação. Nesse período em que recebemos esse benefício, tudo para os alunos é gratuito, não existe mensalidade ou custo com material para treinos. Essa verba também é destinada para pagar o salário dos professores”, frisou Benê, que não quis revelar o valor arrecadado em 2017, mas citou que a Tanger foi a empresa que acreditou no projeto e destinou 6% de seu imposto de renda. O recurso também beneficiou outros dois parceiros do Talentos 10, nas cidades de Promissão e Uru.

“Depois que recebemos a autorização para captarmos o recurso da Lei, a gente vai até as empresas, apresenta o projeto e eles decidem se querem destinar os 6% para nós. Ao final de cada ano temos que prestar contas de tudo. Há sempre uma fiscalização para saber se o material esportivo chega gratuitamente até as crianças, se o recurso está sendo destinado ao seu objetivo”, explicou o coordenador do Passe Certo. Em 2018, a escolinha mariliense espera a liberação do recurso já no próximo mês.

Oportunidade

A parceria com o Talentos 10 vai possibilitar que meninos de Marília disputem o Campeonato Paulista de Base (sub-11, 13, 15, 17 e 20) da Federação, já que o clube está filiado e pode já participar das competições nesta temporada. “Ainda vamos nos reunir com o pessoal de Bauru para saber com quais categorias ficaremos no estadual, mas de qualquer forma é uma ótima oportunidade para crianças carentes terem a chance de realizar o sonho de ser jogador de futebol sem pagar nada”, enfatizou Benê.

Na zona Sul, o polo do Passe Certo fica em um campo anexo à Emei Sementinha, no Jardim Planalto. De acordo com o professor, à noite o local é utilizado por usuários de drogas. “As condições não são as ideais, mas nosso projeto visa resgatar e dar oportunidade para essas crianças. Em acordo com os pais, se o menino não tem notas boas na escola, ele fica suspenso dos treinos ou não vai para os jogos”.

A escolinha Passe Certo foi criada em 2001, sendo que funciona juridicamente desde 2009. Na zona Norte, a agremiação ministra aulas no campo da Rua Maria Batistão, no Distrito Industrial. As aulas nos dois polos acontecem de terça a sexta-feira, das 8h30 às 10h30 e das 15h às 17h50.

Novo clube

No começo da semana, Marília teve a confirmação de uma nova agremiação de futebol profissional, filiada à Federação Paulista, além do Marília Atlético Clube (MAC). O Talentos 10 Atlético Clube (TAC) teve a autorização do secretário de esportes Eduardo Nascimento, para jogar no estádio Bento de Abreu e se registrou como equipe mariliense, para poder participar do Campeonato Paulista da 4ª Divisão (início em abril),  já que o Noroeste não permitiu que o time atuasse no Alfredo de Castilho.

O Talentos 10 precisou do registro em Marília, apesar de ser de Bauru, porque a FPF não permite que a agremiação de uma cidade mande jogos em outra. O TAC pertence ao goleiro Giovanni, que defende o Atlético-MG e que jogou no MAC por sete anos (entre base e profissional).

 

O novo clube de Marília está no Grupo 1 do Campeonato Paulista da 4ª Divisão com: Andradina, Santacruzense, Assisense, Grêmio Prudente, Osvaldo Cruz, Tupã e Vocem/Assis. A estreia está marcada para o dia 8 de abril (domingo), em Assis, diante do Vocem. O primeiro jogo no Abreuzão é no dia 15, contra o Andradina.